Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Gestora de escola da zona rural de Timon é exemplo de manutenção do ensino em tempos de pandemia

Devido o isolamento social, em virtude da pandemia do novo Coronavírus, as aulas presenciais da rede municipal de educação de Timon ficaram suspensas. Para que professores e estudantes continuassem, respectivamente, ensinando e aprendendo, novas formas de estudar foram implementadas. Na zona rural do município merece destaque o trabalho da professora Solange Costa, gestora adjunta da EMEF Dona Sinhara, localizada no povoado Castelo.

Muitos alunos não têm acesso à internet e, por isso, não conseguem acompanhar as atividades on-lines. Desta forma, a gestora começou a receber o material enviado pelos professores e passou a imprimir, xerocar e organizar a distribuição para todas as séries: 1° e 2° períodos; 1° ao 9° ano do ensino fundamental e para o EJA. As entregas feitas na própria escola são realizadas quinzenalmente, seguindo todas as recomendações da OMS, e contam com a ajuda dos professores de cada série e do gestor titular, professor José de Ribamar, mais conhecido como professor “Ribinha”.

Mas nem sempre os pais ou estudantes conseguem se deslocar até a escola naquele determinado dia. A solução encontrada pela gestora Solange foi realizar as entregas das atividades em sua própria casa, no povoado Ponte, onde recebe, quase diariamente, pais e estudantes com todos os cuidados necessários. Ela também se desloca até a casa dos alunos quando é preciso. “Eu não posso deixar os nossos estudantes que não tem acesso à internet ficarem sem atividades. E mesmo diante das dificuldades, os estudantes continuam se esforçando muito para recebê-las”, disse a gestora.

O interesse dos alunos é tão grande, que alguns vão até a casa da gestora montados em animais como cavalos e jumentos, pois não querem perder a oportunidade de estudar através das atividades não presenciais. “Me sinto muito feliz em poder contribuir para que os nossos alunos tenham acesso às atividades. Mas, não é só um trabalho meu, envolve todos da nossa escola Dona Sinhara. Pois somos uma equipe e eu sozinha não conseguiria fazer muita coisa”, finaliza a gestora Solange Costa.

 

(Por Flávia Raquel)

1 comentário

Rômulo Rocha
Comentou em 23/07/20

Sinceramente não tenho palavras pra aprovar tal atitude. O trabalho feito com muito amor em prol dos discentes da zona rural . Há o reflexo da grande gestora Dinair Veloso neste processo , que a mesma afastada por ser candidata a Prefeita de Timon, deixou seu projeto pedagógico para todos diretores e professores da zona rural do Municipio.
Com o objetivo que os alunos não percam o ano escolar, e que acima de tudo permaneça a convicção de estudar e buscar suas formações . O forte abraço e votos de vitórias e esperança pra toda equipe da educação, e especialmente a ex-secretaria de Educação .

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael