Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

O silêncio estratégico da deputada estadual Socorro Waquim

Acima a deputada Socorro Waquim recebendo em seu gabinete Janderson José, liderança política de Humberto de Campos.

Quem acompanha a política timonense já deve ter percebido o quão silenciosa e quieta em relação as movimentações políticas da cidade tem andado nos últimos meses a deputada estadual do MDB, Socorro Waquim. Até mesmo nas aparições em debates ou polêmica na Assembleia a parlamentar não tem sido explorada pela imprensa estadual ou de Timon.

Os mais atentos observadores da cena política local timonense nos bastidores estão vendo no comportamento da deputada uma estratégia que tem os olhos voltados para o próximo ano, quando Socorro Waquim buscará a reeleição. Entre os experientes estudiosos do comportamento político é opinião comum que a deputada está certa, pois grandes movimentações dela neste momento só lhes vão desprender energias que precisará muito em 2022, o ano eleitoral.

Socorro acima com Roberto Soeiro, de Paço do Lumiar e abaixo com José Veiga, de Coroatá; Deputada tem mantido com conversa com lideranças de outros municípios com vista a sua reeleição.

A análise tem total sentido, afinal, tem chegado ao eliaslacerda.com informações que a deputada, silenciosamente, não tem ficado tão quieta assim no meio político. Fora de Timon a parlamentar tem se movimentado com vistas a ganhar musculatura que possa lhe garantir a reeleição. Nos últimos dias a deputada tem buscado conversar com lideranças de outros municípios, estratégia vital para sua luta que enfrentará em 2022. Lideranças como Janderson José, da cidade de Humberto de Campos, Roberto Soeiro, de Paço do Lumiar, José Veiga, de Coroatá, dentre outros, tem sido algumas das pessoas com quem a deputada tem conversado ultimamente em busca de apoios.

Para os que não acreditam na força de Socorro Waquim, vai um aviso: É bom não menosprezar a capacidade da deputada, ex-prefeita e ex-vereadora de Timon. No ano passado Socorro Waquim deu demonstração que seu nome ainda tem muito peso na política local, pois em meio a Guerra de Titãs, que foi a disputa da prefeita Dinair com o coronel Schinneyder, a deputada conseguiu marcar seu território eleitoral no município e sair das urnas abocanhando nada menos que 16 mil 250 votos, o que demonstrou ser o seu nome longe de ser um coadjuvante da política local.

Que venha 2022 com mais um teste para a deputada e fiquemos de olho para ver como ela vai se sair em mais um desafio de sua carreira política…

2 cometários

Jose Felipe
Comentou em 05/04/21

Meu amigo a eleição de Deputado estadual é totalmente diferente de uma eleição de prefeito. A briga pelos votos vai ser grande em Timon e em outras cidades do Maranhão. Socorro Waquim é de oposição ao governo do estado. Os líderes políticos dessas buscam apoiar quem tá no governo. O que a Socorro Waquim tem a oferecer para eles. Oposição ao governo do Estado do Maranhão. Quem viver verá.

Tiuba
Comentou em 07/04/21

Silêncio nada. Isso só aparece na época de eleição. Sempre assim. Não muda. Todos eles…

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael