Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Promotor vai fazer devassa nas contas da Câmara Municipal de Timon e tem vereador com medo de perder a Verba Indenizatória de 11 mil reais

O promotor da probidade administrativa, Sérgio Ricardo Martins (na foto acima), quer fazer uma devassa nas contas da Câmara Municipal de Timon. Denúncias feitas pelo vereador Dr. Tuá chegaram a promotoria e o presidente Uilma Resende já foi notificado através de ofício pelo promotor que pede uma série de informações a direção da casa.

No ofício enviado a Câmara Sérgio Ricardo Martins solicita em CD um pronunciamento do vereador Dr. Tuá feito no último dia 4 deste mês onde o parlamentar faz denúncias sobre a gestão do parlamento.

No mesmo ofício o promotor pede ainda a prestação de contas da Câmara Municipal e a dos seus componentes vereadores em CD e impresso onde informa que o material será para instauração de procedimento investigatório diante das denúncias que tem saído na casa.

O documento enviado pela promotoria é do último dia 6 de a casa legislativa terá um prazo de dez dias para fornecer todas as informações solicitadas.

O presidente da Cãmara Municipal, Uilma Resende diz que não tem o que temer. As solicitações já começaram a ser enviadas nesta segunda-feira (9).

 

Medo de perder a Verba Indenizatória

A solicitação é resultado da briga interna que se instalou no legislativo desde a suspensão da eleição para presidência da casa em fevereiro. Diante das solicitações da promotiria, tem vereador que anda com medo do que pode resultar as investigações . O temor maior é que possa resultar na perda de uma das principais rendas dos vereadores, a Verba Indenizatória.

Com salário atual de 7 mil reais por mês, os vereadores tem na Verba Indenizatória a principal fonte de renda na casa.

O Tribunal de Contas do Estado costuma questionar a Verba Indenizatória e até ex-presidentes do legislativo timonense tiveram suas contas reprovadas por conta deste benefício. Por ser um benefício contínuo, o TCE em muitos casos a considera ilegal.

Mesmo com uma lei municipal amparando a Verba, tem vereador que anda preocupado com a situação.

 

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael