Logo Elias Lacerda
Clínica São Rafael

Timon e Coelho Neto ganham máquinas niveladoras para incentivo a atividades de construção civil e agrícolas

O Governo do Estado do Maranhão realizou ontem (18) a entrega de máquinas motoniveladoras visando impulsionar as atividades de construção civil e agrícolas em municípios do interior do Maranhão. Foram 19 equipamentos distribuídos em solenidade.

Esse incentivo ao escoamento da produção complementa ainda as ações de fortalecimento às cadeias produtivas, trabalho esse já desenvolvido através do programa Mais Produção.  Por meio deste, são estimuladas 10 cadeias produtivas em todas as suas etapas – da produção, beneficiamento e comercialização.

Dessa forma, o Caminhos da Produção vem para contribuir com o escoamento da produção agropecuária dos municípios, complementando uma série de ações de infraestrutura já voltadas para esse segmento. As motoniveladoras integram as ações do programa Caminhos da Produção que investe cerca de R$ 50 milhões nos municípios do interior do Estado.

Diversos municípios do estado foram beneficiados com o equipamento como as cidades de  Coelho Neto, Timon,  Santa Inês, Parnarama, Santa Quitéria,  Vitorino Freire, Santo Antônio dos Lopes, Senador Alexandre Costa, Urbano Santos, Zé Doca, São José dos Basílios, Codó, Centro Novo do Maranhão, Amarante, Alcântara, Afonso Cunha, Estreito, Lago da Pedra, Governador Nunes Freire.

O deputado Rafael Leitoa acompanhou o prefeito de Coelho Neto, Américo de Sousa e fez a entrega da máquina junto com o governador Flávio Dino.

Rafael Leitoa também acompanhou o vice-prefeito João Rodolfo, o Secretário de Agricultura, Jair Mayner e os vereadores Cacá do Frigosá e Celso Tacoani, na entrega do equipamento para Timon.

Mais Produção

Criado em dezembro de 2015, o programa ‘Mais Produção’ é parte das estratégias do Sistema Estadual de Produção e Abastecimento (Sepab) para o fortalecimento da produção agropecuária maranhense. Apoia 10 cadeias produtivas prioritárias: feijão, arroz, mandioca, carne e couro, ovinocaprinocultura, leite, avicultura (caipira e industrial), piscicultura, hortifruticultura e mel. O programa é desenvolvido pelas secretárias de Agricultura, Pecuária e Pesca (Sagrima) e Infraestrutura (Sinfra).

(Com informações do governo do Maranhão)

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael