Hotel Parnaíba
Destaques

O 7 de setembro mostrou a relação de respeito entre Flávio Dino e o grupo Leitoa




A presença de Flávio Dino em Timon no último dia 7 ficou na memória de alguns não só pelo fato de ter sido mais um sucesso de público em sua campanha pelo estado. Organizada pelo grupo Leitoa, a atividade também chamou a atenção daqueles que conseguem ver além quando o assunto são as relações políticas de aliados.

Para esse seleto grupo observador ficou clara a relação de muito respeito que existe entre o governador Flávio Dino e o grupo Leitoa em Timon. Inteligente, capacitado e líder nas pesquisas, o governador que busca reeleição não criou qualquer constrangimento ao prefeito Luciano Leitoa, Rafael Leitoa e Chico Leitoa pelo fato dos mesmos apoiarem o ex-governador José Reinaldo Tavares para o senado.

Mesmo que apoiando Weverton Rocha e Eliziane Gama como os dois nomes para o senado, Flávio Dino esquivou-se de citar o nome de Eliziane no comício na hora de pedir votos para senador. Citou apenas o do pedetista Weverton Rocha, o outro nome que o grupo Leitoa apoia e faz força para eleger junto com José Reinaldo para o senado.

Diplomático, Flávio Dino sabe que o grupo Leitoa tem gratidão por tudo que José Reinaldo fez como deputado federal por Timon onde honrou cada voto dos timonenses obtidos em 2014 trazendo recursos para a cidade destacando-se 9 milhões de reais para o prolongamento da avenida Piauí.

Mas se o governador foi diplomático, recebeu em troca o mesmo tratamento. Chico Leitoa, Rafael Leitoa e Luciano Leitoa também não impuseram situação de constrangimento a Flávio Dino. Para o senado a tríade dos Leitoas pediu votos somente para Weverton Rocha.

Para quem acompanhou a caminhada e comício do dia 7 em Timon, viu que ficou muito clara a relação de respeito e sintonia entre Flávio Dino e o grupo Leitoa.

É isso…

 

Você pode ler também!

  • Miguel disse:

    Elias, precisamos que nossos senadores e deputados federais olhem para a BR135. Tem um aí que é senador há anos e se auto intitula o senador das estradas, mas não sei se é no Maranhão. Meu amigo, de São Mateus para o entroncamento (Itapecuru) está daquele jeito, buraco e mais buraco. Perigo geral, pois têm-se que andar sempre na contramão em alguns trechos, fugindo da buraqueira. Temos que para em meio à BR esperando caminhões passarem com lentidão que a melhor maneira mesmo é parar. Lastimável situação.

  • Miguel disse:

    Relação de amigos e respeito geral. Parabéns pela atitude. E para quem diz que foi fraca, é dor de cotovelo. É como diz a música da pensadora contemporânea, com uma leve adaptação “tá com ciúme, troca de voto e assume”.
    Vem que seremos diplomáticos e não tocamos no assunto. Vem!

  • ADRIANO disse:

    FOI FRACA. E SE NÃO FOSSE OS CONTRATADOS DO ESTADO SERIA UM FIASCO TOTAL!!!

  • FERNANDÃO disse:

    Sempre será dessa forma como se faz politica do nosso grupo.

Deixe um comentário



Barro Forte