Logo Elias Lacerda
Clínica São Rafael

Repórter Tino Marcos pede licença não remunerada da Globo e atiça especulações sobre emissora

Depois da demissão de Mauro Naves e do pedido de licença de Marcos Uchôa, agora, é a vez do jornalista Tino Marcos se afastar da emissora. Segundo o UOL, o repórter ficará longe da telinha durante seis meses sem remuneração.

Ainda de acordo com o portal, o clima na emissora não é bom. Os repórteres mais experientes estão com medo das reduções de salário, já que há um movimento da TV Globo para passar todos os profissionais que atuam como pessoa jurídica para pessoa física.

Além disso, repórteres mais novos estão sendo colocados para fazerem reportagens no lugar dos mais experientes. A emissora nega que isso esteja acontecendo. Essa é a segunda vez que Tino Marcos pede licença da emissora. A primeira vez foi em 2015 quando tirou o ano sabático.

Afastamento de Uchôa

Marcos Uchôa pediu licença da emissora por seis meses no começo do mês. O jornalista deu como motivo do afastamento o cansaço pela cobertura da Copa América e também um “desgaste interno”. Em nota, a TV Globo confirmou o afastamento de Marcos, mas não deu outras informações sobre o caso. “O repórter Marcos Uchôa pediu uma licença não remunerada de seis meses e voltará em janeiro de 2020”, diz o comunicado.

 

Do Metrópoles

 

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael