Logo Elias Lacerda
Clínica São Rafael

Assassinato do empresário da pizzaria Romana está totalmente esclarecido

bandido manuel mouraDupla que praticou o crime já foi identificada pela polícia civil. Um está apreendido e outro foragido

A polícia civil de Timon já esclareceu o assassinato do empresário dono da pizzaria Romana, Simonal de Sousa Bezerra, fato ocorrido na quarta-feira da semana passada (25) na rua Benedito Leite, no centro de Timon. Ele foi morto durante um assalto praticado por uma dupla formada por um garoto menor de idade e um homem de 32 anos ambos já identificados pela polícia e que são suspeitos de integrar uma quadrilha especializada no roubo de veículos.

Em conversa com o eliaslacerda.com, o delegado do 1º DP, Humaitan Oliveira contou que o menor de idade com iniciais A.D. S.S. já foi apreendido pela polícia. Ele tem 16 anos e relatou tudo como aconteceu o crime. O maior de idade, Manuel Moura da Cunha Filho, vulgo “Léo da Jaca”( na foto ao lado), de 32 anos, morador do Parque Aliança, está foragido e a polícia tenta o localizar para que pague pelo crime que cometeu.

1cad65d7-0b9c-4cb6-a930-30a04e09fd10Os dois elementos já tem passagem pela polícia. Até agora a polícia não descobriu se eles tem algum outro homicídio, mas ambos já praticaram e foram presos anteriormente por assaltos a mão armada em Timon e também em Teresina.

De acordo com relatos do menor, o assalto tinha como objetivo levar o carro da vítima, uma Hilux, mas o empresário reagiu. A.D. S.S. contou que eles dois atiraram no empresário.

Cordão de ouro e celular

O menor negou que tenha levado um cordão de outro com uma “pepita”, a aliança e um celular , objetos que a perícia e nem a família conta ter encontrado com o empresário após chegar ao local do crime.

A.D. S.S. inocentou  Francisco das Chagas da Conceição, o homem que está sendo mantido preso em flagrante pela acusação de empreender fuga aos dois criminosos. Disse que ele era conhecido de Manuel Moura da Cunha Filho e este lhe pediu uma carona no bairro Matelzinho.

A polícia apreendeu um celular de A.D. S.S. Nele consta a foto de Manuel Moura da Cunha Filho (a foto dessa matéria) registrada no dia anterior ao crime.

Nas informações contidas no whatsapp ficam claras que a dupla pertencia a uma quadrilha especializada no roubo de veículos de luxo na região.

A polícia continua investigando e tenta prender o maior, Manuel Moura da Cunha Filho , foragido. Além de ser autor da prática de crimes de assalto em Teresina e Timon, a polícia sabe também que ele possui um irmão preso por homicídio que paga pena no presídio Jorge Vieira em Timon.

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael