Logo Elias Lacerda
Clínica São Rafael

Polícia preocupada ! Justiça manda soltar apenados de Timon por causa do novo coronavírus

Vários policiais militares de Timon que trabalham na linha de frente com o combate a criminalidade na cidade com as rondas ostensivas,  manifestaram ao jornalista Elias Lacerda preocupação com a mais nova determinação do judiciário. Portaria do Tribunal de Justiça do Maranhão baseada numa recomendação do Conselho Nacional de Justiça foi enviada ao judiciário timonense determinando que sejam colocados em liberdade e mandados para cumpri pena em casa (prisão domiciliar) todos os presos do regime semiaberto ou com doenças crônicas  em Timon.

Os presos vão ficar nessa condição de prisão domiciliar até o dia 31 de maio próximo.

O presídio Jorge Viera e a Vara das Execuções Penais trabalham no levantamento para ver quantos presos serão beneficiados com a determinação do TJ.

A portaria usa como argumentos para tais medidas preceitos constitucionais de preservação da saúde dos presos  no momento de pandemia com o avanço da Covid-19 em Timon e região.

Promotor Francisco Fernando: “Situação preocupa”

“No ano passado houve muitas regressões de presos que não estavam cumprindo a determinação da justiça para ficar em casa como estabelece a lei. A portaria do TJ tem por objetivo reduzir os riscos de contaminação em massa dos presos e assim evitar que eles precisem de atendimento médico em lugar do cidadão livre, que não deve nada a justiça. Entretanto é preocupante na medida de que teremos que reforçar nossa força tarefa para fiscalizar esses presos que estão recebendo esse benefício da justiça”, disse o promotor criminal Francisco Fernando ao jornalista Elias Lacerda.

Ele informou ainda que a execução penal deve pedir nos próximos dias monitoramento eletrônico (tornozeleiras eletrônicas) ao estado para que possa melhor acompanhar os apenados.

Entre os policiais militares e civis a situação preocupa, pois é entendimento deles que essa portaria vai provocar um aumento da criminalidade em Timon com assaltos, roubos e até homicídios.

8 cometários

Prefiro não comentar
Comentou em 17/03/21

É assim que se corrói uma sociedade. Além da preocupação com a disseminação da doença ainda tem o agravante dos apenados estarem livres, leves e soltos. Quem garante que eles ficarão em casa? Pelo menos na deles não…Quem quiser que se defenda!

Jorge
Comentou em 17/03/21

Medida equivocada!!
Qual melhor lugar para que eles cumpram os Decretos Estaduais se não na prisão?

CHICO
Comentou em 17/03/21

Isso é uma piada.

Otávio Feitosa da Silva Filho
Comentou em 17/03/21

Para o bem da sociedade vulnerável TIMONENSE, que já sofre com o aumento da criminalicade, que todos dias os seus cidadão de bem estao sendo assaltados nas ruas e nas suas próprias residências, seria muito melhor priorizar esses cidadãos a se vacinarem, porém continuassem cumprindo os seus crimes no cárcere, seria muito melhor do que ficar soltos, assim contribuindo ainda mais para o caos que já vivemos. E no entanto, evitar que as nossas briosas polícias, na sua composição, também de cidadãos de bem que ê de notoriedade que já estão. trabalhando em seus limites!

BRUNO AGRA
Comentou em 18/03/21

É uma vergonha essas leis aqui no Brasil, sempre acham um jeitinho para beneficiar o vagabundo. Enquanto isso o pai de família não pode sair de casa pra vender nada na rua, se fizer isso além de perder suas mercadorias paga multa e se achar ruim ainda vai preso. É por isso que o país não vai pra frente. Queria ver um dia o Brasil cumprindo leis de países sérios, como os EUA. Onde vagabundo e colocado em seu devido lugar e o pai de família é respeitado.

Rogério Cardoso
Comentou em 18/03/21

A polícia prende e a justiça solta, desse jeito o nosso Brasil nunca vai pra frente, às leis Brasileira é uma vergonha, às leis só funciona para bandidos,os q fazem às leis deviam adotar cada preso e levar para suas casas

Alberto Ribeiro
Comentou em 18/03/21

Porque não vacina logo a polícia e a população carcerária ? Piada essa norma

Myrlla Frazão
Comentou em 18/03/21

Triste essa situação,parece que a justiça não conhece bandido,sabem que são poucos que voltam,mesmo assim soltam

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael