Águas de Timon
Destaques

Flávio Dino entrega nova Ala de hospital em Coroatá, cidade de Ricardo Murad



Folguedos de Timon 2018

hospital“Se não fosse a existência do Hospital Regional e da UPA, nós aqui em Coroatá estaríamos morrendo à míngua”, desabafa um morador do Centro da cidade. O município é controlado há anos pelo grupo político do ex-secretário estadual de saúde, Ricardo Murad.

Flávio Dino entregou nova ala do Hospital Macrorregional da cidade na manhã desta segunda-feira (13). A rede estadual é praticamente a única com a qual a população pode contar na hora de cuidar da saúde.

Mesmo tendo recebido R$ 65 milhões do Ministério da Saúde entre março de 2013 e março de 2016, para manter funcionando os postos de saúde e o hospital municipal, a prefeita da cidade, Teresa Murad, esposa de Ricardo, fechou parcialmente as unidades.

Logo no primeiro ano de mandato, Teresa fechou as portas do Hospital Geral Municipal (HGM). Com o fechamento, a prefeitura deixou de atender os serviços de urgência, emergência e de alta complexidade.

Além do fechamento do HGM, Teresa Murad determinou o fechamento parcial de todos os postos de saúde da cidade. Os que funcionavam o dia todo, agora abrem apenas até o meio dia e ainda assim, de forma precária, como atestam os moradores da cidade.

Em novembro de 2014, o ex-secretário de Estado da Saúde, Ricardo Murad foi conduzido coercitivamente por agentes da Polícia Federal para prestar depoimento dentro da Operação Sermão aos Peixes, cujo título foi inspirado no famoso sermão contra a corrupção proferido pelo Padre Antônio Vieira em São Luís no ano de 1654.

Murad e uma quadrilha que a PF diz ter sido liderada pelo ex-secretário, foram flagrados pela Polícia Federal em um esquema desvio de pelo menos R$ 114 milhões dos R$ 2 bilhões repassados ao Governo Roseana Sarney pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS) entre 2010 e 2014.

Enquanto isso, o Governo do Maranhão reúne esforços em meio à crise financeira do país, para garantir a ampliação da oferta de saúde no município.

(Maranhão da Gente)

Você pode ler também!

Deixe um comentário



Barro Forte