97% dos trabalhadores na reforma do mercado da Ceasa de Timon são timonenses

“Vou me sentir orgulhoso quando meus filhos perguntarem e eu disser que participei da obra que reconstruiu a Ceasa da nossa cidade”, disse Robson.

A mudança na vida dos timonenses com a reforma da Ceasa vai bem além da melhoria do espaço, pois muitos trabalhadores têm sido beneficiados com vagas de empregos. Cerca de 97% da equipe que trabalha na primeira etapa da obra é composta de timonenses que foram encaminhados através do SINE da cidade. De acordo com o mestre de obras, Vicente Rodrigues, esse número deve aumentar à medida que obra for evoluindo.

Robson José (à direita) – Operador de betoneira

Essa não é a primeira obra que muitos trabalhadores participam na cidade. De acordo com Robson José, 33 anos, ele já atuou na construção do Polo Empresarial e da Creche do Padre Delfino. “Me sinto orgulhoso em estar aqui. Eu também faço compras na Ceasa, e estar aqui hoje, ajudando a construir essa nova Ceasa, me deixa feliz. Eu ficava incomodado com a sujeira que tinha aqui”, disse o operário.

José Francisco – Pedreiro há 20 anos

Outro cidadão timonense que faz parte da equipe de reconstrução da Ceasa é o senhor José Francisco, 33 anos. “Antes de vir para cá, eu trabalhei na reforma do CAIC. Fiquei mais ou menos um ano lá e soube pelo SINE que eles estavam selecionando gente para a obra da Ceasa. Eu me sinto feliz pela oportunidade, porque eu trabalhava muito em Teresina, mas agora tô tendo a oportunidade de trabalhar na cidade onde eu moro”, disse.

97% dos trabalhadores da oba da Ceasa são timonenses

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
TekyNik