Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Chuva de quinta-feira em Timon pode ter sido a mais intensa dos últimos 30 anos

Baseada em relatos de moradores antigos de Timon, a Defesa Civil timonense acredita que a chuva da última quinta-feira pode ter sido a mais intensa dos últimos 30 anos. César Júnior (na foto abaixo e de colete ao lado do Chefe da Casa Civil, João Batista), diretor do órgão municipal é contundente ao afirmar que no período de 20 horas até as 21 horas a intensidade da chuva foi descomunal e há décadas não ocorria nesta proporção, o que foi decisivo para os alagamentos e prejuízos causados na zona urbana.

César Júnior não descarta outro temporal semelhante, entretanto acredita que seja pouco provável que volte a acontecer neste inverno. Foram 89,2 milímetros de chuva, que representam água para um mês inteiro de chuvas.  “O que houve foi uma combinação de fatores climáticos que resultaram naquele temporal. Nem a meteoreologia previa. Quando fomos alertado pelos Centro Nacional de Monitoramento eram 20 horas, exatamente no horário em que a chuva começou a intensificar. Foi muita água da chuva em uma hora, o que não deu tempo dela escorrer ou infiltrar, resultando nos prejuízos de alagamentos, casas destruídas, muros derrubados e ruas danificadas”, disse ele ao eliaslacerda.com.

O prefeito Luciano Leitoa decretou Situação de Emergência por 180 dias ainda na sexta-feira(31) devido aos estragos causados pelo temporal.

De acordo com o diretor da Defesa Civil até agora  282 famílias foram cadastradas como afetadas pelos estragos causados pela pela chuva. Isso corresponde a quase mil pessoas, quando se leva em conta a média de 3 pessoas por família.Deste total, 42 já requereram o aluguel social a ser pago pela prefeitura de Timon e que tem o valor de 350 reais por mês.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael