Pernambucana faz sucesso ao desenvolver picolé em forma de pênis pra vender no carnaval

A ideia é da pernambucana Tayná Maísa, que fez o Picalé para vender durante o Carnaval de Olinda e de Recife

Do jornal O Dia , do Rio – Um picolé de formato ousado tem chamado a atenção na internet. A criação é da pernambucana Tayná Maísa, que fez o Picalé para vender durante o Carnaval de Olinda e de Recife. Com o slogan “Chupa que hidrata”, a jovem criou uma conta no Twitter para divulgar o trabalho: “Usem minha hasteg #chupaquehidrata #picolédebilola”, escreveu.
“Então gente no Carnaval eu estarei vendendo picolés, mas não é um picolé comum como estão vendo na imagem. Um picolé em formato de bilola, é isso mesmo!”, diz a descrição do texto de divulgação.

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Barro Forte