Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Vídeos mostram decolagem e queda de avião que matou empresário da Cosan, em SP

O empresário Celso Silveira Mello Filho, irmão do dono da CosanGustavo Annunciato/Câmara Municipal de Piracicaba

São Paulo – Um avião de pequeno porte caiu em Piracicaba, no interior de São Paulo, na manhã desta terça-feira (14/9). A aeronave pertencia ao empresário Celso Silveira Mello Filho, irmão do dono da Cosan, Rubens Ometto. Segundo o Corpo de Bombeiros da cidade, sete pessoas que estavam a bordo da aeronave morreram no local.

Além do empresário, estavam no avião a mulher dele, Maria Luiza Meneghel, os três filhos do casal, além do piloto e do copiloto. A aeronave King Air 360 caiu em uma área de vegetação natural, na região da Faculdade de Tecnologia do Estado de São Paulo (Fatec), no bairro Santa Rosa.

Assista aos vídeos abaixo e veja mais detalhes do acidente:

A confirmação da morte do empresário, da sua família e dos demais ocupantes só aconteceu por volta das 11h40. Celso Silveira era acionista da Cosan, que tem como dono e presidente do Conselho de Administração da companhia, Rubens Ometto Silveira Mello.

“Com enorme pesar, a Cosan informa que o empresário Celso Silveira Mello Filho estava com a família na aeronave King Air 360 que caiu na manhã de hoje, em Piracicaba, causando a morte de todos os ocupantes. Celso era acionista e irmão do presidente do Conselho de Administração da companhia, Rubens Ometto Silveira Mello. Também estavam no avião a esposa de Celso, Maria Luiza Meneghel, seus três filhos, Celso, Fernando e Camila, o piloto Celso Elias Carloni e o copiloto Giovani Gulo”, diz o comunicado.

Ação dos Bombeiros

Os bombeiros trabalharam desde cedo no local da queda, que aconteceu na Rua Cezira Giovanoni Moretti. A área fica em uma região mais afastada do centro da cidade de Piracicaba. Segundo informações da corporação, a aeronave se trata de uma aviação executiva, de pequeno porte, contratada sob demanda.

Situação da aeronave

A aeronave King Air 360, de matrícula PS-CSM, estava com o certificado e a manutenção em dia, de acordo com o Registro Aeronáutico Brasileiro (RAB). A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) também informou que a situação de aeronavegabilidade do avião também era normal.

No registro da aeronave, fabricada em 2019 pela Textron Aviation, consta como operadora a CSM Agropecuária. O avião de modelo B200GT tinha capacidade máxima de oito passageiros.

A investigação sobre as causas do acidente será feita pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticas, do Comando da Aeronáutica (Cenipa).

Do Metrópoles

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael