Destaques

Assista ao vídeo: Golpe da garota ‘Novinha’ já fez várias vítimas em Teresina

 

Assista ao vídeo acima

Se passando por garotas jovens e atraentes, golpistas têm convidado homens para conversas privadas nas redes sociais. Para isso, se disfarçam atrás de perfis falsos com fotos sensuais.

Totalmente seduzidas, as vítimas acabam enviando fotos e vídeos íntimos, oportunidade perfeita para os criminosos iniciarem a extorsão.

Essa modalidade de crime, batizada de ‘Golpe das novinhas’, tem feito várias vítimas em Teresina, segundo o delegado Odilo Sena, titular do 13º Distrito Policial.

“O golpe começa com uma conversa nas redes sociais, uma conversa aparentemente sem maiores problemas, essa conversa evolui, a conversa começa a se tornar picante, e no momento em que a pessoa foi ‘enlaçada’, a mente já foi dominada, a suposta mulher diz que é menor de idade, e a outra pessoa já está envolvida, muitas vezes não percebe, e há troca de fotos, vídeos, nudes, enfim, um dia, três dias depois, outra pessoa liga para a vítima, se passando por policial dizendo que está com um mandado de prisão, você entrou em contato com uma criança e você vai ser preso, processado, e imediatamente a vítima entra em desespero, um suposto pai também entra em contado, dizendo que sua família foi destruída, manda fotos do quarto destruído, então tem todo um circo armado e a pessoa simplesmente cai, aí depois de um tempo, o suposto delegado ou o suposto pai fala para acabar com essa questão e pede dinheiro para fazer um tratamento e diz, mande tanto, mande 5 mil, mande 10 mil, aí a vítima manda e quando a pessoa manda, ele já entendeu que a vítima teve sua mente tomada, e passa a extorquir ainda mais”, disse o delegado.

A reportagem perguntou se os boletins de ocorrências relacionados a esse tipo de golpe tem aumentado.

“O grande problema é esse, por conta da vergonha, por conta de toda essa situação, muitos não procuram as autoridades. Eu tenho conhecimento de policiais rodoviários caíram, auditores fiscais caíram, policiais militares, policiais civis, empresários, mas infelizmente não nos procuram por conta da vergonha que o golpe proporciona”, acrescentou o delegado Odilo.

Golpe com uso de nomes das facções criminosas

Também há outro tipo de golpe, o das ‘Facções criminosas’, onde esse é direcionado para o medo, o terror, como disse o delegado.

“O mote do primeiro golpe é a libido, o mote do segundo golpe é o medo, o terror que o cara faz, mas ele se aproxima do golpe das novinhas no sentido de que, existe um contato inicial de uma mulher, que se apresenta como casada, com fotos bonitas e aí uma conversa se desenrola e no dia seguinte um homem liga, dizendo que a vítima mexeu com uma mulher de um faccionado e por conta disse você vai morrer, sua família vai morrer, causando o terror e quando a pessoa está tomada pelas ameaças, o cara diz que a pessoa é do bem, um cara trabalhador, pague tanto e vamos esquecer esse negócio, ninguém vai matar ninguém, e a pessoa cai no golpe e paga. São vários casos, e é importante que as pessoas saibam, é importante que as pessoas não caiam, importante não conversar com quem não se conhece, ter cautela, duvidar de rede social, que isso não é brincadeira”, finalizou.

 

Do meionorte.com

 

1 Comentário

  1. Boa tarde!
    Essa matéria é relevante mais caro bloqueio mais que relevante seria mostrar uma empresa de consórcio aí da avenida Jaime rios que usa de alguns funcionários para dar o golpe do lance imbuído.
    Essa empresa me lesou em 6.300 reais e assim vai ganhando muitos da cidade.
    Acredito na justa decisão judicial que virás que movi contra eles.

Faça um Comentário

Elias Lacerda

Elias Lacerda

Elias Lacerda
Jornalista apaixonado pela notícia e a verdade