Hotel Parnaíba
Destaques

Cerca de 250 alunos de Timon aprendem a ler e escrever através do Programa Brasil Alfabetizado




Depois de oito meses de muito aprendizado, foram encerradas as atividades referentes à formação continuada dos professores alfabetizadores e coordenadores que participam do Programa Federal Brasil Alfabetizado, ciclo 2016/exercício 2017. O evento de encerramento aconteceu no último sábado (07.06), no Centro de Treinamento Prof. Wall Ferraz.

 

Cerca de 250 alunos a partir de 15 anos de idade tiveram a oportunidade de serem alfabetizados. O objetivo do Programa Brasil Alfabetizado é diminuir os índices de analfabetismo no país, tendo como público-alvo pessoas acima de 15 anos que não sabem ler nem escrever. Após esse processo, o aluno estará apto a continuar os estudos na modalidade EJA.

Foram selecionados 47 professores alfabetizadores e nove coordenadores de turma, sendo 35 professores para atuar nas escolas da zona urbana e 12 para zona rural, além de sete coordenadores para a zona urbana e dois para a zona rural, por meio de processo seletivo, que tiveram a missão de captar alunos nas comunidades próximas às escolas para formar as turmas e, durante todo o período, participaram de formações continuadas mensais.

Timon foi o único município desta região que aderiu ao Programa, uma preocupação do governo municipal com a educação de jovens e adultos. “Aderimos ao Programa e executamos com sucesso. Hoje, em nosso município, temos 250 alunos cadastrados no programa já concluindo sua alfabetização e que, futuramente, serão encaminhadas para a EJA. Assim, poderão dar continuidade aos seus estudos e, possivelmente, uma graduação”, afirmou Graça Meneses, coordenadora do Programa na Secretaria Municipal de Educação (Semed).

 

O evento contou com uma palestra sobre “Dificuldade na Aprendizagem Escolar”, com a professora Maria Aurineide Silva. Os professores socializaram ainda a experiência de ter participado do Programa, bem como métodos e estratégias utilizados nas aulas. Um dos professores coordenadores de turmas, Rair Barbosa, falou sobre o trabalho realizado. “Neste ciclo, nós pudemos realizar um trabalho muito significativo, pois conhecemos a realidade do município e ainda acompanhamos as turmas, ou seja, o trabalho que cada professor alfabetizador estava fazendo e recebemos um resultado muito positivo tanto deles quando dos alunos”.

(Da assessoria)

Você pode ler também!

Deixe um comentário



Barro Forte