Invasores de terreno da prefeitura de Timon denunciam truculência da Guarda Municipal em tentativa de desocupação da terra

O eliaslacerda.com recebeu em sua sede na manhã desta sexta-feira (24) os líderes comunitários Cleudenora do Nascimento Andrade, Charles Coelho da Silva, Cleidiane do Nascimento Silva e José Dilson. Ocupantes de uma área de terras da prefeitura de Timon no bairro Vila do Bec, eles  procuraram a redação do site para denunciar guardas municipais que os ameaçaram e os trataram com truculência na manhã de ontem (24).

De acordo com o grupo, eles e cerca de 200 outras pessoas invadiram a área há cerca de 6 meses e nunca tinham sido importunados pelo poder público. Entretanto, na manhã de ontem (24) eles foram surpreendidos com vários guardas municipais, máquinas e caminhões na área do imóvel solicitando que todos deixassem o terreno. “Eles nunca nos procuraram e chegaram de surpresa ameaçando derrubar as casas com os tratares. Foi uma loucura. Os guardas municipais fizeram vários disparos de arma de fogo, usaram spray de pimenta nos invasores e até deram choque nas pessoas com armas de choque”, conta dona Cleudenora do Nascimento Andrade, a dona Nena.

A operação de desocupação da área só foi interrompida com a mobilização dos invasores que reagiram e não permitiram a continuidade.

Os invasores dizem que o trabalho de tentativa de desocupação foi comandado pelo Secretário Municipal de Planejamento, Sebastião Carlos. Eles contam que o secretário foi muito truculento na ação.

Cleudenora do Nascimento Andrade,Cleidiane do Nascimento Silva,Charles Coelho da Silva e José Dilson contaram ao eliaslacerda.com que registraram um Boletim de Ocorrência na Delegacia do 2º DP denunciando o fato.  Os invasores dizem querer a proteção da justiça, pois alegam que a área estava abandonada há anos.

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Barro Forte