Destaques

Investimentos no saneamento e abastecimento dágua em Timon são destaque no UOL

Os investimentos em infraestrutura que a Águas de Timon está realizando no município maranhense foram destacados nacionalmente em uma reportagem do portal UOL. A plataforma de notícias divulgou que água na torneira a qualquer hora do dia não era uma realidade dos moradores de Timon (MA) até a chegada da Águas de Timon, concessionária da Aegea, grupo líder em saneamento privado no país.

Em apenas um ano de trabalho, a falta d’água ficou no passado para 180 mil habitantes do município que em breve será o mais saneado do Maranhão. Até 2026, quando o saneamento será universalizado, o esgoto a céu aberto deixará de fazer parte do cenário da cidade.

“Aqui ninguém tinha água, ninguém. Tudo era na cabeça. Aí veio a água para nós, encanação de água. Ah, meu Deus, mudou muito! Só de a gente ter água dentro de casa sem a preocupação… Foi maravilhoso!”, conta a aposentada Antônia Alves de Sousa.

Durante grande parte de sua vida, ela caminhou com vasilhas de água na cabeça de um chafariz até a própria casa para realizar atividades simples como tomar banho, fazer comida, lavar roupa e dar banho nos filhos, mas agora tudo mudou. Fazer a água chegar na vida de Antônias em todo o Brasil é uma vocação para a companhia, que ao longo de 12 anos de história vem atuando em cidades que vão de 3 mil até 6 milhões e oitocentos mil habitantes.

Água na torneira agora é realidade para a maioria das famílias (Foto: Getty Images)

Já no primeiro ano de concessão nós regularizamos o abastecimento de água, então toda a população passou a ser 100% atendida. E hoje conta com 33% de esgotamento sanitário, ou seja, em pouco tempo já atingiu padrões acima do estado do Maranhão.

Além dos números

Os resultados mais importantes, no entanto, podem ser percebidos na vida das pessoas. Um passeio pela cidade revela como a realidade do timonense e a paisagem vem sendo transformados pelos investimentos feitos pela Aegea no município.

O principal efeito, eu diria que o mais importante, é o efeito na saúde, o primeiro a ser percebido pela população. É a redução de doenças de veiculação hídrica, por exemplo, cólera, diarreia, Chikungunya e dengue. São doenças que causam um impacto muito negativo na vida das pessoas, principalmente a redução na frequência escolar e no trabalho.

Segundo o diretor, além dos efeitos diretos na saúde e educação, o saneamento proporciona um fomento à economia e ao meio ambiente uma vez que as obras geram empregos e, através da redução do lançamento de esgotos irregulares, é possível alavancar o turismo e estimular a valorização imobiliária, levando desenvolvimento para toda a cidade.

Água acessível a todos

Possibilitar o acesso à água tratada com técnica, responsabilidade ambiental e atenção à capacidade de pagamento faz a população vulnerável entender o valor do serviço. Esse desenvolvimento, no entanto, só funciona se for sustentável também do ponto de vista econômico, o que a Aegea tem realizado através da Tarifa Social, indo de porta em porta para entender a realidade das pessoas e incluir aqueles que precisam no benefício que concede 50% de desconto nas tarifas de água e esgoto.

“A Tarifa Social veio assim para eu ter acesso à questão de um valor abaixo, então eu pago uma taxa diferenciada. Isso serve também para comprovações documentais, em outras áreas da minha vida”, conta o mototaxista Francisco Nazareno, que agora tem um comprovante de residência.

Futuro saneado

Assim como Francisco, a servidora pública Aline Raíssa teve sua vida transformada com o saneamento. Ela convivia com água escura dentro de casa e esgoto escorrendo na sarjeta, mas viu sua vida ser transformada com o programa “Timon Saneada”. “O que eu espero pro futuro é que seja implantado em todos os bairros de Timon e que o timonense venha a ser beneficiado com esse tipo de serviço”, revela.

No que depender da Aegea, Aline não tem com o que se preocupar porque os investimentos em Timon não param por aí: ainda serão entregues sete módulos da ETE Flores, mais 415 km de rede coletora e o principal objetivo de tudo isso é atingir a universalização do esgotamento sanitário até 2026, tornando a cidade uma referência em saneamento no Maranhão e em todo o Nordeste.

“Ser líder em saneamento privado no Brasil é ser referência. Então, dentro da sua atuação, a Aegea vem promovendo diversas práticas que sirvam de exemplo para toda a população brasileira e para todos aqueles que militam no saneamento, sejam as práticas ESG (sigla em inglês para ambiental, social e governança), sejam os programas socioambientais, seja o avanço nas obras, seja sua eficiência operacional. A Aegea, líder que é, tende a ser condutora desse processo”, conta o Vice-Presidente Renato Medicis.

Se liderar é assumir responsabilidades, resgatar o orgulho e devolver a dignidade de pessoas como Antônia, Aline e Francisco é consumar a paixão pela vida e pela natureza. E nessas águas a Aegea sabe navegar com segurança.

 

Do UOL

5 Comentários

  1. Bonita reportagem; qto ao talão duplicado o valor e até taxa de contribuição asfalto cobrada do consumidor: isso “a Globo não mostra”!

  2. Pois é. Pelo valor cobrado no talão de água era pra estar até melhor. Isso era digno até de processo: como é q nos cobram taxa de tratamento de esgoto se não desfrutamos desse benefício?

  3. Tudo lindo no papel. Não vejo estas maravilhas que falam. Esgoto continuam a céu aberto. e Taxa todo mês vem talão. Ruas com bueiros estourados só mudaram o percurso do esgoto…. agora meio da rua….

Faça um Comentário

Elias Lacerda

Elias Lacerda

Elias Lacerda
Jornalista apaixonado pela notícia e a verdade