Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Polícia divulga fotos dos acusados de roubarem mais de um milhão e meio no Teresina Shopping

Estrangeiros presos em Goiás acusados de invadir shopping de Teresina

A Polícia Rodoviária Federal divulgou as fotos dos dois colombianos e um venezuelano, acusado de roubar a joalheria de um shopping de Teresina na madrugada do último domingo (21/02). Na ação, os criminosos levaram mais de R$ 1,5 milhão em ouro.

O trio foi preso ontem após uma abordagem da PRF na cidade de Catalão, no sudeste de Goiás. Por volta das 17h, policiais rodoviários federais pararam um veículo Fiat/Uno, locado. O veículo já vinha sendo monitorado pela PRF, integrado ao Grupo de Repressão ao Crime Organizado do Piaui (GRECO), e PM de Goiás, Distrito Federal e Piauí.

O CASO

Uma joalheria localizada dentro de um shopping de Teresina foi alvo de criminosos na madrugada de domingo, 21 de fevereiro. De acordo com informações, os bandidos levaram cerca de R$ 1,5 milhão em ouro. O crime foi realizado após os bandidos entrarem em um salão de beleza que fica ao lado da joalheria ainda na noite de sábado, esperarem o shopping fechar e na madrugada realizaram a invasão. Após a ação, os acusados saíram pela porta da frente do shopping na manhã de domingo.

“Nas primeiras horas que o GRECO tomou conhecimento do assalto imediatamente foi entrado em contato com a inteligência da Polícia Rodoviária Federal para que a gente pudesse em conjunto realizar um trabalho de identificação desses indivíduos. Foi feito o monitoramento do veículo que foi utilizado no assalto e montamos o cerco juntamente com apoio da Polícia Militar de Goiás e foi na cidade de Catalão que a PRF realizou a abordagem e a prisão, são dois indivíduos de nacionalidade colombiana, de 40 anos e um de nacionalidade venezuelana, de 41 anos”, afirmou o inspetor Alexsandro Lima.

Ainda de acordo com o inspetor, eles são suspeitos de furtar uma joalheria em um Shopping de Teresina, uma loja de celulares em um Shopping de São Luís/MA e de utilizar documentos falsos para locar o veículo utilizado na fuga, além de comporem uma quadrilha de furtos à Shoppings Centers. Os presos foram reconhecidos pelas imagens de câmeras de monitoramento.

Acusados foram parados em barreira da PRF – Foto: Divulgação/PRF

Criminosos roubaram joalheria após entrarem em salão de beleza

 

Do meionorte.com

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael