Logo Elias Lacerda
Clínica São Rafael

Procon fiscaliza a qualidade do combustível vendido em Timone a situação legal dos postos

IMG-20190618-WA0011

Vender combustível adulterado é crime. Contudo, essa é uma prática que acontece em todo o país. Enquanto alguns lucram com a esse ato ilícito, quem fica no prejuízo são os proprietários de veículos. Em Timon, para garantir que o direito do cliente, o Órgão de Proteção e Defesa do Consumidor – VIVA/PROCON realizou nessa terça-feira (18/07) varias fiscalizações em diversos postos da cidade. Os 11 postos que existem em Timon já foram fiscalizados. O objetivo é coibir essa atividade ilegal, além de verificar a permissão de funcionamento de cada empresa.

De acordo com a Agência Nacional de Petróleo a porcentagem tolerável de álcool na gasolina comum é de 27% e na gasolina aditivada, 25%. O teste de volumetria é realizado com um galão metálico de 20 litros em que o limite é de +100 ou -100. O consumidor que se sentir lesado deve procurar o órgão ou fazer os testes no posto considerado irregular. Os equipamentos de aferição deverão está presentes em todos os postos de combustíveis.

Segundo o diretor do VIVA/PROCON, Alexandre Luz, as atividades fiscalizatórias serão uma constante. “Estaremos passando semanalmente em todos os postos de combustíveis e aqueles onde encontramos algumas irregularidades, fizemos as devidas notificações e esses terão até dez dias para atuarem dentro da legalidade. Os consumidores que se sentirem lesados devem nos procurar no Cocais Shopping”. A Prefeitura de Timon informa que para maiores informações os moradores podem ligar no telefone (99) 3212-1013.

IMG-20190618-WA0009

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael