Logo Elias Lacerda
Clínica São Rafael

Análise e informações sobre a visita do governador Carlos Brandão a Timon

Um feito e tanto para Brandão foi a pacificação de adversários em Timon da sua base de apoio

Em respeito ao governador Carlos Brandão, e não só pelo poder de sua caneta, mas também pela forma atenciosa e generosa com que tem tratado os aliados da cidade, nenhuma das principais lideranças de Timon, Schinneyder, Rafael, Socorro, Leandro Bello protagonizaram cena de desentendimento na Mega Hall , local onde aconteceu o ato político no último sábado (23).

Em Timon todos sabem que Rafael, Socorro e Leandro Bello não toleram o coronel Schinneyder. Leandro porque acha que Schinneyder foi beneficiado demais com seu apoio em 2020 para prefeito e esperava que o mesmo fosse  candidato a deputado federal nas eleições deste ano e assim o apoiaria para estadual.

Socorro Waquim e Rafael não gostam do militar devido ao fato do coronel ser uma ameaça real ao plano deles de derrubar Dinair da prefeitura em 2024.

Já Schinneyder teme que Rafael ou Socorro indo bem nesta eleição de 2022 podem tirar seu protagonismo para 2024 , o jogando para ser um mero figurante na disputa com Dinair Veloso.

Mesmo diante de todos estas diferenças, Brandão segurou os ímpetos de todos eles no palco e ninguém protagonizou nada que pudesse envergonhar o governador.

Rafael e Socorro mostraram entrosamento

Ficou claro no evento do governador Carlos Brandão em Timon que os deputados estaduais Rafael e Socorro Waquim tem boas relações. Os dois trocaram afagos verbais e mostraram entrosamento e respeito.

Schinneyder sem cumprimento

Se houve entendimento e sintonia entre os dois deputados timonenses, o mesmo não se viu em relação a Schinneyder com Rafael e Socorro Waquim. Após seu discurso Schinneyder não cumprimentou Rafael e nem Socorro Waquim.

Mas não se enganem com esperança de boa sinalização contrária. Os dois deputados também não cumprimentaram Schinneyder após seus discursos.

Muita ou pouca gente no evento para Brandão?

Entre os observadores da cena política timonense a pergunta mais frequente é: Afinal, deu muita ou pouca gente no evento do governador Carlos Brandão em Timon?

Entre a oposição ao governo Brandão a opinião recorrente é de que foi um fracasso. Mas não procede essa conclusão. O horário, pela manhã, não ajudou e isso é um fato. Mesmo assim não se deve deixar de levar em consideração que o espaço da Mega Hall não é grande e para a atividade que contou com a presença  quatro pré-candidatos de peso da base do governador como os deputados Rafael, Socorro Waquim, coronel Schinneyder e Leandro Bello, é claro que poderia ter sido bem maior.

Conclui-se, portanto, que o evento andou foi longe de ter sido um fracasso, mas é fato também que os aliados do governador em Timon poderiam ter realizado um ato em favor de Carlos Brandão bem maior.

Os aliados ficaram devendo ao governador…

Visitas ilustres

Sábado (23) não foi só marcado pela presença do governador Carlos Brandão em Timon. A cidade também recebeu a visita de dois dos mais importantes pré-candidatos a deputado federal e que disputam vaga na federação PT-PC do B e PV.

O deputado federal pelo PT Rubens Júnior se reuniu com aliados do pré-candidato a deputado estadual Leandro Bello no Parque Alvorada num animado almoço. Osdois aproveitaram para estreitar as relações com aliados ao tempo que foi servida uma comida típica: Panelada.

Rubens Júnior reforçou a aliança com Leandro para o pleito que se avizinha e disse que o parceiro de Timon tem reais condições de se eleger deputado estadual (sobre este assunto vamos tratar depois).

Flávia Alves

Quem também passou por Timon no sábado foi a advogada e pré-candidata a deputada federal Flávia Alves. Irmã do presidente da Assembleia Legislativa, deputado Othelino Neto, Flávia Alves é nome cotado para conquistar uma vaga na Câmara Federal pelo PC do B.

Ela participou de um almoço num restaurante no centro da cidade organizado pelo engenheiro Delfino Guimarães. O almoço serviu para apresentação da pré-candidata a algumas lideranças que vão lhe apoiar em Timon.

 

2 cometários

Antônio
Comentou em 25/07/22

Elias é um cavalheiro, tentou de toda as forma ajeitar o fracasso que foi o evento kkkkk, quando lembro que o grupo de Luciano sozinho encheu aquele terreno av Teresina, Brandão e deve ter saído na certeza que em
TIMON ele tá ferrado kkkkkkk

eleitor
Comentou em 27/07/22

em Timon, as pesquisas indicam que ele não vai bem. Ele e mais uma réca de políticos que, até agora, não se preocuparam com os problemas de Timon (falta de um hospital de referencia, pacientes sendo enviados para outras cidades, conta de água com valores altos, BR226 sem asfalto, e etc…). Se os políticos pensassem um pouquinho, seria fácil conseguir os votos da maioria: basta olhar para o que a população precisa. Os que tem cargo, tem prazo até a próxima eleição e como não vai mais dar tempo resolver todos esses problemas, a grande maioria do eleitor irá votar em um candidato novo. Mas, fica a dica para os que vão entrar: não deixem de resolver os problemas da cidade, ou vão pro mesmo caminho.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael