Logo Elias Lacerda
Clínica São Rafael

A atitude corajosa e bem planejada dos policiais do Ronda Escolar que abortaram um sequestro em Timon

Acima o cabo S. Lima e a soldada Ana Paula – Ação bem sucedida contra o sequestro da policial militar do Piauí em Timon
Semana passada o assunto dominante no cotidiano dos timonenses foi a ação dos policiais no sequestro de uma  Sub Tenente da Polícia Militar do Piauí, fato ocorrido por volta das 14 horas do dia último dia 25.
Diante deste reconhecimento social do sucesso da ação dos policiais da Ronda Escolar, eu, como jornalista, não poderia me furtar e deixar de escrever uma matéria com estes heróis responsáveis por essa brilhante abordagem e desfecho excelente.
A guarnição era composta por somente dois integrantes: o comandante, Cabo S. Lima e a Soldado Ana Paula, motorista da viatura. Eles relataram que ouviram da rede-rádio o informe do roubo do veículo FOX PRATA, no Bairro Flores, mas seguiam sua rotina diária e se dirigiam para atender a uma ocorrência escolar. Foi quando foram abordados por um cidadão no Sinal da Av. Presidente Médice com a Av. Teresina informando que sua vizinha, Sub Tenente da Polícia Militar do Piauí, havia sido sequestrada naquele instante e estava sendo refém no interior do seu próprio veículo.
De imediato os dois militares de Timon  já avistaram o veículo e movidos pelo sentimento de irmandade decidiram voluntariamente agir, deixando de atender a ocorrência escolar. Assumindo toda a responsabilidade de seus atos resolveram iniciar a perseguição policial, mesmo sabendo que não era a viatura mais adequada para atender a esse tipo de ocorrência. Em desvantagem numérica, pois sabia-se através do nobre cidadão que os informou que havia outro veículo dando apoio ao sequestro e que o carro com a vítima estava cheio de bandidos armados e nesse instante, com muita coragem e o risco da própria vida, lançaram-se ao sucesso ou ao infortúnio.
Audaciosamente, aproximaram-se atrás do veículo suspeito e começam a se comunicar com os sequestradores para que encostem e desçam do veículo. Porém, eles não obedecem e saem em velocidade em direção a Teresina, Capital do Piauí, iniciando alí uma verdadeira odisséia de verbalização por parte dos policiais mandando que os mesmos parassem, porque nessas situações de crises com reféns não convém atirar, sendo o gerenciamento, a prudência, os maiores parceiros dos policiais, pois havia também muitas pessoas na rua querendo acessar a ponte para trabalhar em Teresina, contam populares que assistiram ao fato.
A todo instante a localização era repassada ao Copom por parte dos dois militares, mas por conta das outras viaturas encontrarem -se distantes do local, o socorro não. A falta de socorro não desestimulou os policiais que atentamente seguia o veículo suspeito e com muita cautela esperavam a oportunidade para agir.
Foi quando depois de percorrer a Av. Teresina, onde se iniciou o acompanhamento policial, próximo a uma escola, e oscilando o percurso entre a Av. Piauí e a Av. Jaime Rios, passando pela Praça Central, desesperados, aperriados, tensos, os larápios vieram a colidir o veículo com um táxis na Av. Piauí em frente ao Hotel Rio Parnaíba.
Sendo, de súbito e com audácia, surpreendidos pela abordagem dos policiais com a viatura parada transversalmente  conforme a orientação dos manuais de técnicas policiais de abordagem, os militares ordenava que os bandidos  descessem do veículo com as mãos pra cima. Entretanto, dois sequestradores saem do veículo desesperadamente para a margem do Rio Parnaíba e mergulham nas águas vindo a ser presos de barco logo em seguida.
A refém instantaneamente é socorrida pelos policiais sem nenhum arranhão. E o terceiro bandido foi preso momentos depois já em sua casa.
Resultado: refém resgatada totalmente ilesa pelos policiais, todos os sequestradores presos, nenhum disparo de arma de fogo efetuado e nenhum cidadão ou policial ferido.
Mesmo não sendo profissional da área da Segurança Pública, não posso deixar de comentar a atípica ocorrência.
Um sequestro, da complexidade da ocorrência com refém, a preocupação com os transeuntes, a tensão, o profissionalismo e a enorme responsabilidade social envolvida este é um dos bons fatos que ficarão marcados na nossa briosa polícia militar de Timon. Um grande exemplo de  ocorrência bem sucedida e que deve servir de exemplo de como agir diante de um fato com o porte de gravidade que foi o sequestro da militar piauienese.
Fica aqui o nosso parabéns ao Ronda Escolar!!!

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael
TekyNik