Logo Elias Lacerda
Clínica São Rafael

Dezenas de aparelhos Iphones recuperados pela polícia em Teresina serão entregues aos donos a partir desta sexta (28)


Imagem: Luccas Araújo/Cidadeverde.com 

A Polícia Civil do Piauí irá divulgar a lista de IMEI dos iPhones apreendidos durante a Operação Rubro na próxima sexta-feira (28). A relação estará disponível na sede do 12ª Distrito Policial, no bairro Ininga, na zona Leste de Teresina (Rua Juiz João Almeida, 2660).

A informação foi confirmada pelo delegado responsável pela operação, Humberto Mácola.

A operação, deflagrada nesta quarta-feira (26), apreendeu 200 aparelhos. O IMEI é o número de identificação que todo celular possui e serve para que as operadoras e fabricantes verifiquem as características de um telefone.

As vítimas deverão ir até o 12º DP com documento pessoal, a nota fiscal do aparelho furtado ou roubado e/ou a caixa do aparelho. É necessário qualquer documento oficial que comprove o direito de posse.

Prisões

Uma quadrilha foi presa, na terça-feira (26), a partir de uma investigação que partiu do Piauí, após o roubo do celular de um juiz.  Os criminosos chegaram a criar uma página falsa da multinacional Apple para desbloquear os celulares.

A Polícia Civil também confirmou que um empresário, proprietário de um box do Shopping da Cidade, foi apontado como membro dessa organização criminosa,  especializada no desbloqueio de iPhones furtados ou roubados em Teresina. Ele está foragido.

No box, a polícia encontrou 30 iPhones, que seriam vendidos por um preço abaixo do valor de mercado. O preço não foi revelado. Na casa do empresário, identificado apenas como Mateus, as equipes encontraram mais aparelhos, que podem ser produtos de roubou ou furto.

Ao todo, foram cumpridos nove mandados de prisão e 18 de busca e apreensão em todo território nacional. A quadrilha estava presente em Brasília e São Paulo, onde foram presos oito suspeitos.

Do cidadeverde.com

1 comentário

Carlos Z.
Comentou em 27/09/18

Parabéns à Polícia que cumpriu seu trabalho muito bem, pelo que recuperaram…
Indignação aqui é pela justiça que eu ouso chamar de “injustiça brasileira”, percebe-se pela reportagem que a operação partiu de uma investigação apos o roubo do aparelho de um JUIZ de direito, vejamos a quantidade de aparelhos encontrado todos provavelmente roubados, sabem-se lá quantas vidas foram ceifadas por conta desses roubos, aí um todo poderoso JUIZ têm o SEU aparelho roubado aí, e somente aí ele resolve tomar alguma providencia…
Triste verdade, pra quem ainda vive em um mundo fora daqui, vos apresento: BRASIL.

Deixe uma resposta para Carlos Z. Cancelar resposta

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael