Anuncie
Policial

Doente mental, filho mata a mãe no interior do Piauí e polícia ainda não localizou o corpo dela



Joedson Nunes - Arquiterura

Maralina desapareceu no município de Acauã no dia 6 de maio

Amaralina Ramos Coelho Amaralina Ramos CoelhoFoto: Divulgação PM

A Polícia do Piauí está à procura de Amaralina Ramos Coelho, desaparecida há uma semana no município de Acauã, no Sul do Estado. A suspeita é que o filho de Amaralina tenha matado e enterrado a mãe no povoado Bem Nome, zona rural de Acauã, onde os dois moravam na mesma casa.

De acordo com o delegado Cícero de Oliveira, Amaralina foi vista pela última vez no dia 6 de maio quando ela subia na garupa da moto do filho. Após três dias sem ser vista, familiares procuraram a delegacia para registrar o desaparecimento.

A Polícia foi até a residência da vítima e ao conversar com o filho, ele confessou ter matado a própria mãe e enterrado em um matagal. Ainda conforme a polícia, o filho aparentava ter problemas mentais. O homem tem apróximadamente 30 anos e não teve a identidade revelada.

Os policiais procuraram o corpo nas proximidades da residência, onde o homem teria enterrado, mas nada foi encontrado. A Polícia Civil do município pediu a prisão temporária do suspeito, mas até o momento aguarda a decisão da Justiça.

Ao prestar depoimento na delegacia, o filho disse que discutiu com a mãe e acabou desferindo uma paulada na cabeça dela. O motivo da discussão não foi revelado. Moradores contam que os dois discutiam bastante e que Amaralina era agredida verbalmente pelo filho.

Desde o desaparecido da vítima, os moradores da comunidade procuram o local onde foi enterrado o corpo da vítima, mas até o momento não há nenhum vestígio.

 

Do piauíhoje

Você pode ler também!

Deixe um comentário



Barro Forte