Veja: Câmeras flagram homem tentando estuprar mulher dentro de sex shopping ; Ele morreu

https://youtu.be/Y5CDQiVziCU?t=3

Assista aos vídeos acima:

Imagens de câmeras de segurança registraram o momento em que um homem tentou estuprar a funcionária de um sex shop dentro do estabelecimento em Riacho Fundo II, no Distrito Federal. O crime ocorreu na quinta-feira (10).

A mulher foi enforcada, agredida e arrastada pelos cabelos na tentativa de fugir do estupro. Quatro homens que passavam pelo local viram a cena e atacaram o criminoso que sofreu uma parada cardiopulmonar e morreu em seguida. 

Depois dos momentos de terror, a vítima relatou aos policiais que o criminoso chegou no local pedindo para ver alguns produtos e indicando que iria comprar uma vagina de borracha. A mulher entrou no depósito para buscar mais opções para o suposto cliente, quando ele também entrou no local e tentou agarrá-la. A vítima resistiu e o criminoso a agrediu.

O criminoso a puxa pelos cabelos e tenta sufocá-la. Em um determinado momento, a vítima cai, o agressor fica em cima dela e, depois, arrasta a funcionária pelos cabelos. A mulher é sufocada com o golpe conhecido como “mata-leão”.

Logo pouco mais de um minuto, quatro homens entram no local e começam a agredir o criminoso na tentativa de libertar a vítima. O bandido teve uma parada cardiopulmonar e veio a óbito. Seu nome não foi divulgado.

Durante as agressões, segundo a investigação, a irmã do autor chegou ao local do crime. Ela disse à polícia que o suspeito estava sob uso de entorpecentes.

Policiais militares chegaram ao local do crime e socorreram o suspeito. Ele foi atendido pelo Corpo de Bombeiros, no entanto, ele morreu após 53 minutos de manobras de ressuscitação.

“Ele entrou consciente de que ia praticar o fato. Pediu para testar o produto, a moça entrou, ele foi atrás e atacou ela de forma muito violenta”, afirmou o delegado-adjunto Lúcio Valente, da 29ª Delegacia de Polícia (Riacho Fundo I).

Segundo o delegado, o homem tem dois inquéritos por tentativa de estrupo. O primeiro, em 2016, na região do Gama. Já o segundo, em 2018, foi registrado na Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (Deam II).

Além disso, boa parte dos populares que agrediram o homem já foram identificados e estão sendo ouvidos. “As pessoas foram identificadas, algumas já foram ouvidas, mas temos que esperar o laudo para saber o que de fato causou a morte”, explica o delegado.

“As pessoas que agrediram incialmente, entraram para salvar a mulher. Mas caso a morte tenha sido provocada por agressões após ele estar imobilizado, aí sim você pode imputar responsabilidade sobre elas, algo que chamamos de excesso em legítima defesa. Mas não podemos cravar nada ainda sem o laudo”, comenta Lúcio.

 

Elias Lacerda

Jornalista apaixonado pela notícia e a verdade

2 comentários sobre “Veja: Câmeras flagram homem tentando estuprar mulher dentro de sex shopping ; Ele morreu

  1. Que dizer que eles salvaram a mulher e eles são bandidos tenha paciência.faça a justiça certa

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *