Anuncie
Saúde

Aliados de Alexandre Almeida trabalham o nome do coronel Shinneyder para ser candidato a prefeito



Joedson Nunes - Arquiterura

O ex-comandante da PM de Timon, coronel Hollman Shinneyder caiu na simpatia de parte do grupo do ex-deputado  estadual Alexandre Almeida para ser candidato a prefeito nas eleições do próximo ano. Como Alexandre, mesmo pontuando bem nas pesquisas, tem manifestado em conversas com amigos que não interesse em ser candidato no próximo ano, Shinneyder tem sido visto como a alternativa para aliados do ex-deputado.

Eliomar Feitosa e os vereadores Antunes da Drogaria e Anderson Pêgo nas rodas de conversas tem sido apontados como os três homens da base de Alexandre com opiniões comuns em apontar que o militar pode ser o nome com chances de vencer as eleições de prefeito em Timon no próximo ano.

Nos bastidores as informações são de que Eliomar, Anderson e Antunes estão em intensas conversas com Shinneyder com vistas a levá-lo para o PSDB. Claro, com o aval de Alexandre Almeida, o homem que manda no partido em Timon.

Mas Schinneyder não pode se filiar agora. Como a legislação eleitoral dispensa tratamento especial para militar, ele somente poderá se filiar nas convenções partidárias e com um detalhe a mais: Caso seja eleito e assuma o governo, vai direto para a reserva remunerada, ou seja, será aposentado.

Enquanto isso, o grupo de Alexandre não perde tempo e trabalha o nome de Shinneyder para ser o candidato. A ideia é massificar o nome dele nas redes sociais e meios de comunicação. Tenta  também, através de muita conversa  convencer outras pré-candidaturas a desistirem e se unirem no projeto. Uma delas é a do vereador Henrique Júnior. Para um entusiasta apoiador de Shinneyder em conversa com o jornalista Elias Lacerda, a afirmativa foi essa: “Henrique Júnior como pré-candidato a prefeito daria um ótimo nome para ser vice”, disse o rapaz que preferimos não revelar o nome.

Você pode ler também!

Deixe um comentário



Barro Forte