Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Médico piauiense de 34 anos e um paciente de Manaus morrem de coronavírus

 

O último paciente de Manaus que estava internado no Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU-UFPI) faleceu nesta sexta-feira (26)  Em São Paulo, o médico piauiense Gilberto Medeiros Viana Neto também perdeu a luta para a doença e faleceu vítima da Covid-19.

Dos 23 pacientes de Manaus com Covid-19 que passaram pelo HU-UFPI, 21 tiveram alta médica  e dois não resistiram às complicações da doença.

O paciente que faleceu nesta sexta (26) tinha 68 anos, era diabético, tabagista e hipertenso. Ele também sofria de doença renal crônica e de enfisema pulmonar.

Na terça-feira (23), o HU informou a morte de um paciente de 70 anos de idade. Ele era diabético, hipertenso, cardiopata e com insuficiência renal.

 

O superintendente do HU-UFPI, o médico Paulo Márcio, disse ao Cidadeverde.com que, dos estados que receberam pacientes de Manaus, o Piauí foi um dos que registaram menor índice de óbito, apenas 8%.

O HU-UFPI recebeu pacientes de Manaus após o colapso na rede de saúde na capital do Amazonas, com a falta de oxigênio para ofertar aos pacientes internados pelo novo coronavírus. Além do Piauí, outros estados brasileiros receberam pacientes.

Médico piauiense 

O médico Gilberto Medeiros Viana Neto faleceu nesta sexta-feira (26), no estado de São Paulo, vítima da Covid-19.

Gilberto Medeiros tinha 34 anos e estava internado em um hospital. Formado em Medicina pela Universidade Federal do Piauí, se especializou em Nefrologia pela USP. Gilberto morava há nove anos em São Paulo e trabalha no Hospital do Rim.  O Conselho Regional de Medicina do Piauí divulgou nota de pesar.

Piauí

O Piauí vem registrando o aumento no número de casos confirmados e de morte pela Covid-19.

No boletim de quinta-feira (25), a Secretaria Estadual de Saúde confirmou que, em um único dia, o estado registrou 857 casos positivos da infecção e 16 mortes.

A alta taxa de ocupação dos leitos, principalmente de UTI (unidade de tratamento intensivo), vem preocupando as autoridades no estado. O boletim aponta que 71,7% dos leitos UTI no Piauí estão ocupados e 58,9% dos leitos clínicos estão com pacientes.

O superintendente ressalta que o HU-UFPI ampliou a oferta de leitos para tratamento da Covid-19. Hoje, são 51 leitos, sendo 30 de UTI e 21 clínicos.

Foto: HU-UFPI

Do cidadeverde.com

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael