Destaques

Carlos Brandão, Flávio Dino e deputados eleitos são diplomados; Veja a relação

O governador e o vice-governador reeleitos do Maranhão, Carlos Brandão (PSB) e Felipe Camarão (PT), foram diplomados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MA), em cerimônia realizada neste sábado (17), no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, em São Luís.

A cerimônia foi conduzida pela presidente do TRE, a desembargadora Angela Salazar. A diplomação é o ato que oficializa o resultado das urnas, sendo o último do processo eleitoral. Os diplomas entregues habilitam os candidatos eleitos a tomarem posse no dia 1º de janeiro de 2023.

Em seu discurso, o governador reeleito Carlos Brandão afirmou que está preparado para retribuir com dedicação e respeito ao bem público, a confiança depositada pelos maranhenses em seu projeto de governo. A chapa composta por Brandão e Felipe Camarão foi reeleita com 51,19% nas urnas e recebeu 1.769.187 de votos.

“Hoje é um dia especial na vida de todos nós que aqui estão sendo diplomados. Nossa presença é resultado de muito esforço e muita dedicação. Nossas mensagens foram ouvidas, entendidas e se transformarão em muito trabalho pelo bem do Maranhão. Um estado que se preza a segurança jurídica e a democracia baseada na harmonia entre os poderes e é assim que governaremos (…) Governaremos em nome de todas as forças que querem o melhor para o nosso estado. Todos vamos trabalhar sabendo que o povo será o foco da nossa gestão”, disse Brandão.

No diploma devem constar o nome do candidato, a indicação da legenda sob a qual concorreu, o cargo para o qual foi eleito ou a sua classificação como suplente, e, facultativamente, outros dados a critério do juiz ou do tribunal.

A presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), a desembargadora Angela Salazar, reforçou em seu discurso a importância das eleições de 2022 para assegurar o direito ao voto.

“Ao garantir a normalidade e a legitimidade do pleito eleitoral de 2022, a Justiça Eleitoral do Maranhão qualificou todos os eleitos a serem legitimamente diplomados e assegurou a vontade soberana do povo, consolidando a mais clara expressão da cidadania: o direito de escolher seus representantes”, disse a desembargadora.

Senador

Senador eleito do Maranhão, Flávio Dino (PSB), é diplomado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) em cerimônia realizada em São Luís (MA) — Foto: Matheus Soares/Grupo Mirante

Durante a sessão solene, também foi diplomado o senador eleito pelo Maranhão, o ex-governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB). Dino obteve 62,41% nas urnas e recebeu 2.125.811 votos válidos.

Oficialmente, Dino tomará posse a partir de janeiro de 2023, entretanto ele não permanecerá no cargo, já que foi anunciado como o novo ministro da Justiça e Segurança Pública do governo do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Em seu lugar, tomará posse a 1º suplente do cargo, a senadora Ana Paula Lobato (PSB). A segunda suplente pela chapa, será Lourdinha (PCdoB).

Deputados federais e estaduais

Na ocasião, também foram diplomados os 18 deputados federais, os 42 deputados estaduais e 12 suplentes de cada partido dos cargos proporcionais. Todos tomam posse em seus cargos a partir de 1º de janeiro.

Veja, abaixo, os 18 deputados federais eleitos do Maranhão:

  1. Detinha (PL): 161.206 votos
  2. Pedro Lucas Fernandes (União Brasil): 159.786 votos
  3. Josimar de Maranhãozinho (PL): 158.360 votos
  4. Juscelino Filho (União Brasil): 142.419 votos
  5. André Fufuca (PP): 135.078 votos
  6. Aluísio Mendes (PSC): 126.577 votos
  7. Marreca Filho (Patriota): 116.246 votos
  8. Duarte Júnior (PSB): 111.019 votos
  9. Amanda Gentil (PP): 108.699 votos
  10. Márcio Jerry (PCdoB): 106.143 votos
  11. Roseana Sarney (MDB): 97.008 votos
  12. Fábio Macedo (Podemos): 95.270 votos
  13. Júnior Lourenço (PL): 93.123 votos
  14. Rubens Júnior (PT): 91.872 votos
  15. Josivaldo JP (PSD): 79.699 votos
  16. Cléber Verde (Republicanos): 70.275 votos
  17. Pastor Gil (PL): 69.530 votos
  18. Márcio Honaiser (PDT): 54.547 votos

Veja, abaixo, os 42 deputados estaduais eleitos do Maranhão:

  1. Iracema Vale (PSB): 104.729 votos
  2. Othelino Neto (PCdoB): 84.815 votos
  3. Carlos Lula (PSB): 80.828 votos
  4. Davi Brandão (PSB): 67.392 votos
  5. Florêncio Neto (PSB): 56.100 votos
  6. Fabiana Vilar (PL): 55.314 votos
  7. Solange Almeida (PL): 55.193 votos
  8. Francisco Nagib (PSB): 53.125 votos
  9. Mical Damasceno (PSD): 52.123 votos
  10. Neto Evangelista (União Brasil): 50.923 votos
  11. Aluizio Santos (PL): 50.770 votos
  12. Osmar Filho (PDT): 50.117 votos
  13. Rafael Leitoa (PSB): 49.798 votos
  14. Dra Vivianne (PDT): 49.202 votos
  15. Andreia Martins Rezende (PSB): 48.186 votos
  16. Rildo Amaral (PP): 48.090 votos
  17. Abigail (PL): 48.025 votos
  18. Daniella (PSB): 47.277 votos
  19. Edna Silva (Patriota): 46.248 votos
  20. Glalbert Cutrim (PDT): 45.134 votos
  21. Guilherme Paz (Patriota): 44.844 votos
  22. Rodrigo Lago (PCdoB): 43.292 votos
  23. Fernando Braide (PSC): 42.506 votos
  24. Ricardo Arruda (MDB): 42.056 votos
  25. Yglésio (PSB): 42.009 votos
  26. Eric Costa (PSD): 40.629 votos
  27. Ariston Gonçalo (PSB): 40.236 votos
  28. Arnaldo Melo (PP): 39.546 votos
  29. Claudio Cunha (PL): 39.104 votos
  30. Janaina Ramos (Republicanos): 38.927 votos
  31. Antônio Pereira (PSB): 38.329 votos
  32. Hemeterio Weba (PP): 37.709 votos
  33. Claudia Coutinho (PDT): 37.435 votos
  34. Junior França (PP): 35.820 votos
  35. Juscelino Marreca (Patriota): 35.567 votos
  36. Roberto Costa (MDB): 34.156 votos
  37. Ricardo Rios (PCdoB): 29.304 votos
  38. Júlio Mendonça (PCdoB): 29.028 votos
  39. Ana do Gás (PCdoB): 27.425 votos
  40. Leandro Bello (Podemos): 25.064 votos
  41. Júnior Cascaria (Podemos): 24.910 votos
  42. Wellington do Curso (PSC): 24.800 votos

Quem é Carlos Brandão

Governador reeleito do Maranhão, Carlos Brandão (PSB), ao lado da primeira-dama, Larissa Brandão. — Foto: Matheus Soares/Grupo Mirante

Carlos Brandão tem 64 anos, é médico veterinário, empresário e político. Ele é governador do Maranhão, desde abril deste ano. Foi vice-governador do Estado entre 2015 e 2022, na chapa com o ex-governador do Maranhão, Flávio Dino (PSB).

Ele iniciou a vida pública em 1990, quando foi secretário-adjunto de Estado do Meio Ambiente. Em seguida, ele foi eleito deputado federal por dois mandatos consecutivos (2006 a 2010) e (2010 a 2014).

Brandão é casado, tem dois filhos e é natural de Colinas, cidade localizada a 437 km de São Luís.

Do G1 Ma

3 Comentários

Faça um Comentário

Elias Lacerda

Elias Lacerda

Elias Lacerda
Jornalista apaixonado pela notícia e a verdade