Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Semana começa com discussão entre membros da oposição de Timon sobre derrota nas eleições

As discussões sobre a derrota das oposições de Timon para a candidata eleita Dinair Veloso nas eleições deste ano voltaram ao centro do debate na manhã desta segunda-feira (7) após entrevista do vereador e ex-candidato a vice-prefeito Henrique Júnior ao programa do Galo, na rádio Celestial FM.

Tudo começou quando Henrique Júnior ao ser perguntado sobre a posição do vereador Anderson Pêgo nestas eleições, chegou a dizer que o vereador não tinha condições de debater a cidade, que era rancoroso e que o mesmo é uma pessoa que não soma com a cidade.

Ouça o áudio da entrevista abaixo:

 

A versão de Anderson Pêgo

As colocações de Henrique Júnior não ficaram sem resposta. Em conversa com o jornalista Elias Lacerda, Anderson Pêgo disse que os aliados da candidatura do coronel Schinneyder tentam atribuir a derrota nas eleições a deputada Socorro Waquim e disparou: “A derrota do coronel só teve um culpado: Ele mesmo, que fez compromisso e depois não honrou”.

Anderson Pêgo contou como aconteceu o rompimento dele e o sogro , vereador Antunes Macêdo,  com o coronel. “O coronel era de dentro da minha casa. Até dinheiro gastei com ele na pré-campanha. Ninguém queria o Henrique Júnior como vice. Fizemos uma reunião na casa do Leandro Bello onde o próprio Leandro, e os vereadores Helber Guimarães, Adão da Ceasa, Cacá e Ramon Jr. manifestaram não querer Henrique Júnior como vice. O coronel, então, convidou o Antunes para ser vice. Antunes nem pensava e nem queria ser vice, mas após algumas conversas aceitou. Passado alguns dias o coronel desistiu dele de vice e indicou o Henrique Júnior. Foi aí que não aceitamos a quebra de compromisso. Depois disso nos ofereceram tudo: Secretaria de Saúde para o Antunes, apoio a uma eventual candidatura minha de deputado e até recursos do fundo partidário para estas eleições. Preferimos não aceitar, pois tínhamos certeza que não cumpriria com as promessas. Este foi o real motivo do nosso rompimento: a quebra de compromisso”, disse Anderson Pêgo.

 

1 comentário

Tomaz
Comentou em 08/12/20

Esse tal de Anderson Pêgo se acabou politicamente.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael