Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Túnel do Tempo: Josafá- Um sacerdote do Serviço Público Federal

POR GIL ALVES DOS SANTOS

“Ele andou em todos os caminhos de seu pai […], não se desviou deles, e fez o que era correto perante o Senhor.” 1Reis, cap. 22, vers. 42.

 

01 – Das terras úmidas do Buriti Cortado, onde nasceu em 09/04/1949, o quinto de uma série de 10, recebendo o nome de um rei de Jerusalém, JOSAFÁ, tempos depois mudou-se de mala e cuia para o Zumbi, zona inóspita do município de Matões, já levando na cachola o aprendizado da Carta de ABC.

02 – Há uma canção de Luiz Gonzaga – a letra é de Marcondes Costa – certo que em gravação de 1979, que bem sintetiza o pensamento do pai – GENÉSIO ALVES DOS SANTOS, assim:-

“(…)

“Tenho umas miunças,

“Carneiro, porco e galinhas,

“Tenho inté uma vaquinha

“Que a mué vive a cuidar.

“E os meninos

“[…] Todos vão estudar,

“Pois eu não quero

“Fio meu analfabeto

“Quero no caminha certo

“Da cartilha do ABC.”

03 – Foi com esse espírito progressista, até demais para a época, que não apenas o JOSAFÁ mas os demais foram levados pelo GENÉSIO para a então pacata Timon, orientados de perto pela mãe – MARIA DELFINA, onde uma casinha de palha já os esperava, na hoje Rua Aquiles Lisboa, 494, na busca das luzes necessárias ao almejado degrau do sucesso. E estudaram. E venceram as batalhas da vida.

04 – Em 01/07/1971, JOSAFÁ ALVES DOS SANTOS, ingressa no serviço público federal junto à unidade militar do 2º Batalhão de Construção, denominado atualmente de Heróis do Jenipapo, uma referência ao conflito militar com os portugueses, em Campo Maior, de 13/03/1823.

05 – Não! Não é um simples emprego! Trata-se, bem é que se diga, de um verdadeiro sacerdócio. Justo por ostentar a condição de servidor exemplar, sem uma única falta, uma única ausência registradas em seus assentos funcionais, que em Outubro de 2005, foi eleito Funcionário Civil Padrão da Unidade Militar em que serve, o 2º BEC, quando recebeu, do Sr. Chefe da Seção de Pessoal, Major FABIANO MOTA DE AZEVEDO, a Comenda e a prancha elogiosa adiante colacionada, que não pode ser omitida e nem esquecida nestes 50 anos de celebração dos bons serviços de JOSAFÁ, verbis:-

“(…)

“No momento em que o Sr. Josafá Alves dos Santos é escolhido pelos funcionários civis desta Unidade como o Servidor Padrão de 2005, é com sentimento de justiça que concedo a presente referência elogiosa a esse ser humano exemplar, excelente profissional e digno representante da classe trabalhadora de nossa Nação. O SC-Josafá foi admitido como servidor público, no 2º Batalhão de Engenharia de Construção, no ano de 1971, com apenas 22 anos de idade, tendo desempenhado inicialmente a função de escriturário, sendo comissionado na Fiscalização Administrativa da OM.”

“(…)

“Por seu histórico pessoal, por suas qualidades de homem íntegro, excelente e exemplar chefe de família, profissional assíduo, comprometido e eficaz, participou nos últimos três anos do processo seletivo para escolha do servidor padrão do 2º BE Cnst, tendo sido escolhido no presente ano por meio de eleição, em sufrágio do qual participaram os funcionários mais antigos e já agraciados com a Comenda a que faz jus no dia de hoje. Ao Sr. Josafá Alves dos Santos, os

agradecimentos de toda a equipe do Batalhão Heróis do jenipapo, sua casa por quase 35 anos. A tropa se perfila, no dia de hoje para lhe homenagear e em sua pessoa homenagear todos os funcionários civis do nosso querido 2º BE Cnst pelo dia do servidor público. Felicidades e que sua trajetória de cidadão de bem seja exemplo constante para a nossa juventude. O nosso muito obrigado, Servidor Padrão 2005. Teresina-PI, 25 de outubro de 2005.”

06 – As palavras do Senhor Major Fabiano Mota, têm moldura e quadro renascentistas, um Michelangelo sem retoque quanto à pessoa, à honra e probidade do servidor civil JOSAFÁ ALVES DOS SANTOS, o Fafá, na intimidade, bem lembrados nestes 50 anos de efetivo serviço prestados à Unidade do Segundo Batalhão, dito Heróis do Jenipapo, em Teresina (PI).

07 – Não custa lembrar, por fim, o epitáfio gravado no túmulo do pai GENÉSIO ALVES DOS SANTOS, alí no povoado Canoa, uma grande e sábia lição, cultivada na aridez do deserto da vida, verbis:-

“(…)

“Mensagem aos meus filhos:Não deixo patrimônio para ser dividido. Já o fiz em vida: A escola, o diploma e o saber. Não há riqueza maior.”

08 – Parabéns de todos os irmãos e familiares do FAFÁ, este escriba um deles, pela passagem dos 50 anos de serviços como servidor civil do 2º Batalhão de Construção Heróis do Jenipapo, em Teresina (PI). –

GIL([email protected]) – ZAP – 9972-0524

4 cometários

Izaura Nolêto
Comentou em 06/07/21

Parabéns ao Josafa, parabéns pela linda Matéria publicada,Sr.Genesio deixou um grande legado a Educação para os filhos, sempre fui admiradora do seu Pai,ele comprava no comércio do meu sogro e via o carinho que seu Regino tinha com ele.

Francisco Paraiba
Comentou em 06/07/21

Parabens Josafa que orgulho que eu tenho de ser seu amigo voce e uma referença pra todos nos Boavistense e Timonense.

CÉSAR WILLIAM
Comentou em 06/07/21

TÚNEL DIAMANTINO

Em meio a tantas matérias, notícias dando conta de tragédias, intolerâncias e descasos humanos, somos brindados com esse belo trabalho, coeso e coerente texto do escritor Gil Alves dos Santos que de quando em quando torna esta página eletrônica ainda mais valorosa.

Confesso que não sei o que mais me banha a alma, se a sofisticada e laboriosa produção gilvaniana ou se o descortinar biográfico em torno do Sr. Josafá, trazendo-nos à tona uma saga impoluta não somente de um real personagem, mas de toda uma aguerrida família.

Sugiro que essa crônica memorialista e documentária seja lida em salas de aula, em reuniões familiares, haja vista a riqueza em torno não apenas do fazer textual, mas também das referências de um grande homem, de uma família que venceu com honradez, deixando testemunho ilibado para estimular os que pretendem vencer com dignidade, dando o melhor de si nas lutas travadas até o limite das suas possibilidades.
Parabéns, Gil, Josafá, família Alves dos Santos. Parabéns, timonenses, por terem esse bem tão precioso, um verdadeiro túnel diamantino.

.

MISANGELA DE FATIMA DOS SANTOS BARBOSA
Comentou em 06/07/21

Belíssima homenagem. Que confortante ver esse amor fraternal. Obrigada meu Deus, por pertencer a uma família tão honrada.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael