Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Timon teve quase 400 pessoas envolvidas em acidentes de trânsito só de janeiro a abril deste ano

Um total de 400 pessoas foram vítimas de acidentes de trânsito em Timon. Os dados são de ocorrências atendidas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e correspondem aos meses de janeiro a abril deste ano. Em busca de mais respeito e diminuição da violência no trânsito, vários órgãos municipais se unem na campanha Maio Amarelo realizada, simultaneamente, em vários países.

 

Para se ter uma ideia, as ocorrências de trânsito, na cidade, significam que, em média, a cada seis horas uma pessoa é socorrida vítima de acidente automobilístico. Gleydson Araújo e Silva, coordenador geral do Samu em Timon, explica que a maioria das vítimas é do sexo masculino e, em média, 90% das ocorrências envolvem motocicletas.

 

Só em abril tivemos 76 acidentes de motos. A velocidade em que o piloto está na moto vai interferir, se ele for acidentado. Além disso, o não uso do capacete pode implicar em um trauma de cabeça. No geral, há também traumas no abdômen superior e fraturas nos membros”, explica Gleydson Araújo.

Ele revela ainda que a grande parte dos acidentes de trânsito ocorre em horários específicos: das 6h às 8h e das 17 às 19h. “São horários em que as pessoas estão em deslocamento da casa para o trabalho ou vice-versa”, reitera o coordenador geral do Samu.

 

AÇÕES DO DMTRANS

Ronaldo Gonçalves, diretor executivo do Departamento Municipal de Trânsito e Transporte de Timon (DMTRANS), destaca que os acidentes de trânsito são um grande problema no país inteiro, principalmente pela desobediência às regras de trânsito.

 

“O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) faz campanhas educativas para diminuir os altos índices de violência no trânsito e a gente acompanha essas ações”, pontua Ronaldo Gonçalves. Ele acrescenta que as ações educativas no município são constantes e reforçadas durante o Maio Amarelo e durante a Semana Nacional de Trânsito que ocorre em setembro.

“Este mês temos programadas palestras, ações nas ruas e orientações que são a parte educativa. Mesmo durante o patrulhamento diário, nossos agentes também são orientados a conversarem com os pedestres, motoristas, motociclistas e ciclistas para que respeitem a faixa de pedestres, as ciclofaixas, os semáforos, as vagas reservadas para estacionamento”, destaca o diretor do DMTRANS.

 

Atualmente, Timon conta com 30 agentes qualificados para orientar, fiscalizar e auxiliar na segurança do trânsito. “Os índices de violência no trânsito ainda causam impacto, mas já conseguimos diminuir muito. As pessoas estão se conscientizando e o DMTRANS constantemente está se qualificando, buscando novas formas de contribuir para melhoria do trânsito e da segurança no município”, destaca Ronaldo Gonçalves. A redução de acidentes de trânsito na cidade durante a pandemia também é observada nos dados do Samu.

 

Além de orientar e fiscalizar, as equipes também têm o papel fundamental na recuperação de veículos furtados/roubados juntamente com as demais Forças de Segurança.

 

Da assessoria

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael