Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Homem foi atropelado, fugiu do hospital, foi atropelado novamente e morreu

Nas duas situações, os motoristas fugiram sem prestar socorro à vítima. Suspeitos seguem sem identificação

(Foto: divulgação)
Homem morreu após ser atropelado duas vezes no mesmo dia em Campina Grande, Paraíba. Edvaldo Monteiro da Silva, 33 anos, foi atingido na manhã da última terça-feira, 10 e foi internado na mesma hora. No hospital, a vítima fugiu antes de receber alta e morreu após sofrer segundo atropelamento. Informações são do portal Uol.
De acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o segundo acidente aconteceu na BR-230, altura do km 161, por volta das 17h40min. Nas duas situações, os motoristas fugiram sem prestar socorro a Edvaldo. Suspeitos seguem sem identificação.
A irmã de Edvaldo o acompanhava na internação e no momento da fuga havia deixado ele sozinho para ir jantar. O Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes afirmou que a vítima conseguiu fugir após mentir dizendo que estava acompanhando outro paciente.
“O paciente retirou a pulseira de identificação, foi abordado pelo apoio e mentiu dizendo que era acompanhante. Ele teria arrancado o dreno de tórax e tudo de soro após agitar-se em função de uma síndrome de abstinência alcoólica”, informou a unidade de saúde ao Uol.
 

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael