Policial militar do Maranhão morto em Teresina pode ter sido vítima de execução

O soldado da Polícia Militar do Maranhão, identificado como Frantiaiallo Gonçalves Pereira Silva, foi executado com um disparo de arma de fogo no peito na tarde desta sexta-feira (28/08), na avenida João XXIII, no bairro São Cristóvão, na zona Leste de Teresina.

Segundo informações apuradas , os criminosos se aproximaram da vítima que estava parado próximo a sua motocicleta esperando sua noiva sair do trabalho, efetuaram pelo menos dois disparos e em seguida fugiram sem levar nenhum pertence do soldado.

“As informações que tivemos é que esse policial do Maranhão estava aqui esperando a namorada que trabalha na loja e três elementos em um Fiat Uno branco chegaram e dispararam, não levaram nada, o que se acredita que tenha sido execução.” declarou o comandante do 5º BPM.


Documento de identificação de Frantiaiallo Gonçalves Pereira Silva

Policial militar morto na Avenida João XXIII

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU foi acionado, mas ao chegar no local a vítima já estava sem vida. O Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa – DHPP, a Polícia Militar e o Instituto Médico Legal – IML também estiveram no local para isolar a área e realizar a remoção do corpo.

Frantiaiallo Gonçalves Pereira Silva era lotado no 16º Batalhão da Polícia Militar do município de Chapadinha, no Maranhão.

Prisão do primeiro acusado

Minutos após o crime, um policial à paisana que estava próximo ao local capturou um dos acusados de envolvimento na morte do soldado Frantiaiallo Gonçalves, no bairro São João. Segundo informações, a polícia militar está em busca dos outros dois acusados de participar do homicídio.

A equipe do Centro Tático Aéreo da PM do Maranhão sobrevoaram a região onde aconteceu o homicídio para ajudar na localização e prisão dos outros dois acusados.

Centro Tático Aéreo da PM do Maranhão

Acusado de matar o PM na avenida João XXIII

Prisão do segundo acusado

O segundo suspeito de matar o soldado, ainda não identificado, foi preso no início da noite desta sexta-feira, na Avenida Miguel Rosa, próximo ao Hospital de Campanha João Fernandes Claudino, na zona sul da capital. O veículo utilizado pelos criminosos foi recuperado.

Veículo utilizado pelos criminosos 

 

Do meionorte.com

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
TekyNik