Assista aos vídeos: Imprensa de Bacabal mostra desfecho do sequestro onde morreram timonenses no interior do Maranhão

Você pode saber mais sobre a matéria que segue clicando aqui.

A matéria a seguir foi publicada pelo blog Falando Sério, de Bacabal – Maranhão – Na manhã desta terça-feira (12), Raimundo Marciano da Silva Oliveira e Wanderson Carlos Magalhaes Batista, foram presos pela polícia, acusados de participar de assalto a empresário no maranhão.

 

Os presos fazem parte do grupo de criminosos que invadiram a residência do empresário  Carlinhos das Colchas, na cidade de Dom Pedro – MA e empreenderam fuga.

O bando fugiu em uma caminhonete, Toyota Hilux, vermelha, um Hyundai HB20, e uma caminhonete Ranger, de cor branca, que foi tomada de assalto na altura do povoado conhecido por Serra do Dico. Passaram por Joselândia, Pedreiras, Trizidela do Vale, até o momento em que foram interceptados no povoado Olho D’água dos Mirandas, zona rural de Lugar Bom Lugar, em uma barreira policial, que é realizada todos os dias na localidade.

Durante a fuga, eles abandonaram o veículo com as duas noras de Carlinhos e adentraram no mato. A equipe de policiais que estavam em diligência para prender o bando, realizaram cerco policial, e dois bandidos foram mortos na ação. Joias e dinheiro foram levados do empresário.

 

No total, oito pessoas foram presas. Três pessoas foram presas na segunda-feira (11), tentando dar fuga ao bando.

Gustavo Sena Carvalho, vulgo Cancoso, 22 anos, foi preso por volta das 22h desta terça-feira (12), em um veículo, Corola, cor branca, com dois advogados. A prisão aconteceu próximo o povoado São João, próximo do local onde o cerco da polícia encurralou os cinco bandidos.

De acordo com os policiais, eles furaram um bloqueio em frente ao posto Milena na MA 245, no povoado Olho D’água dos Mirandas, havendo uma perseguição da VTR da Força Tática do 18 BPM e guarnições do 15 BPM, sendo obrigado o uso da força com tiros para que fosse cessada a fuga. Os três foram apresentados na 16ª Delegacia Regional de Bacabal, por volta das 03h da madrugada de hoje. Todo aparato policial ainda se encontra no trecho da MA 245, que liga a BR 316 a cidade de Lago da Pedra.

Dos cinco assaltantes, 2 dois foram mortos em confronto com as forças policiais sendo eles: Ruydeglan e Rodolpho Willian, ambos de Timon/MA. Com a prisão de Gustavo Sena Carvalho, restavam dois que ainda estavam foragidos no mato.

Nesta terça-feira (12), pela manhã os dois que estavam na mata,  já por volta das 06h os dois indivíduos restantes identificados como Raimundo Marciano da Silva Oliveira e Wanderson Carlos Magalhaes Batista, apareceram correndo se entregando no posto de gasolina.

Foram feitas incursões acompanhadas dos mesmos e foram encontradas 2 pistolas calibre .40, sendo uma pistola pertencente à PMPI, numeração SGN 16378 e outra com brasão raspado, numeração FAC 17474, com 3 carregadores e 23 munições.

A conduta dos dois foi ousada e muito perigosa, tendo em vista que a área estava sob forte proteção policial e a todo momento havia confronto. O capitão Leandro, que se encontra no local desde domingo, disse que o correto era que eles se apresentassem para as guarnições e ao comandante da operação relatando que ia apresentar seus clientes e queriam garantias a integridade dos mesmos.

Reportagem de Romário Alves apresentador do Bandeira 2, TV Difusora Bacabal.

VÍDEO DA OPERAÇÃO

Entenda o caso.

Tudo começou quando cinco elementos fortemente armados se passando por policiais federais invadiram a residência do empresário Carlinhos das Colchas, na cidade de Dom Pedro, MA. Carlinhos, é um grande distribuidor de colchas de cama e capas de sofá na região. Durante a ação criminosa, a polícia militar do 18º BPM foi acionada, havendo um tiroteio, onde o Sgt PM Franco, saiu ferido na coxa. O Sargento foi levado para o hospital regional da cidade de Presidente Dutra, e passa bem.

 

Os assaltantes passaram por Joselândia, Pedreiras, Trizidela do Vale, momento em que foram interceptados no povoado Olho D’água dos Mirandas, zona rural de Lugar Bom Lugar, em uma barreira policial, que é realizada todos os dias no povoado. Durante a fuga, eles abandonaram o veículo com as duas noras de Carlinhos e embrearam-se no mato. Durante o cerco policial, dois bandidos foram mortos. Joias e dinheiro foram levados do empresário.

Joias e dinheiro foram levados do empresário.

 

 

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Barro Forte