Morre o estudante de odontologia que foi atingido misteriosamente por uma bala após comemorar em Teresina vitória do Flamengo na Libertadores

Morreu o estudante de Odontologia Geniscléo Pereira da Silva, 31 anos, vítima de bala perdida enquanto voltava para casa com amigos após comemoração da vitória do Flamengo pela Libertadores, na semana passada. Ele passou seis dias internado e não resistiu, vindo a óbito na manhã deste sábado (30).

Para a Polícia Civil do Piauí, o caso ainda é um mistério. O estudante estava de carro com os amigos quando foi alvejado na cabeça. De acordo com eles, no momento do tiro, ninguém viu movimentação de veículos ou de pessoas e, portanto, não sabem de onde veio o disparo de arma de fogo.

No Instagram, amigos lamentam a perda do jovem que está sendo lembrado por sua  “alegria e  gratidão”.

Foto: Reprodução Instagram

A cunhada de Geniscléo também fez um desabafo nas redes sociais. O caso estava sendo investigado pelo 8º Distrito Policial e com a morte do estudante deve ficar agora com o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Do cidadeverde.com

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Barro Forte
WhatsApp chat