Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Os cuidados que o timonense deve ter nesses tempos de calor do B-R-O-Bró

Se o calor aumenta por conta do sol forte e a umidade do ar reduz, então é hora de redobrar os cuidados com a saúde. A proteção da pele e dos olhos é tão importante quanto a hidratação do corpo, e a ingestão de líquidos é a medida prioritária para conviver melhor com as altas temperaturas. Água, sucos, picolés, dindins e comidas mais leves são necessários nesse período do ano.

EA9A9783

Quando isso não ocorre, os postos de atendimento especializado lotam. E entre os pacientes, as queixas são praticamente as mesmas. “Eu trouxe minha filha para a médica avaliar porque a tosse, a garganta inflamada e o nariz entupido passaram a fazer parte de uma rotina. Esse tempo mais quente traz muitos problemas de saúde.” – diz Edilene Sousa, dona de casa.

EA9A9796

Na Policlínica, em Timon, o atendimento de otorrinolaringologia é o mais novo serviço médico implantado. E nesse período mais quente do ano a demanda de pacientes cresce em mais de 50% do normal.

EA9A9792

“É impressionante como os pacientes têm procurado atendimento aqui na Policlínica. A dor de garganta por motivo de inflamação e a congestão nasal são as queixas mais frequentes.”- diz a médica otorrinolaringologista Marília Veloso.

EA9A9798

As queimadas são outro agravante para os problemas respiratórios. E com elas quem mais sofre é o público das extremidades da vida, crianças e idosos. “Na área em que trabalho, 80% das residências visitadas possuem pessoas com tosse seca e alérgica. As crianças estão bastante gripadas. As pessoas não dormem direito por conta do cheiro forte da fumaça e acabam ficando mais tempo gripados.” – diz Elza Sousa, agente comunitária de saúde.

IMG_1245

No dia a dia, manter a hidratação é fundamental. E isso pode ser feito de forma simples, com uso de toalhas molhadas, vasilhas de água colocadas no quarto, umidificador de ambientes e, claro, maior ingestão de líquidos. Também é importante manter corpo, rosto e lábios protegidos com filtro solar adequado.

EA9A9799

Segundo a orientação médica, as crianças e os idosos precisam ser acompanhados de forma mais direta, porque estão mais propícios à desidratação. É preciso que eles bebam água constantemente, ainda que não estejam com a sensação de sede; assim, evitam o ressecamento das vias respiratórias.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael