Procon quer saber porque a gasolina vendida em Timon é das mais caras da região

O Procon de Timon quer saber porque o combustível vendidos nos postos da cidade é considerado um dos mais caros da região. Bombardeado por reclamações de consumidores por conta do alto preço do produto, o órgão resolveu cair em campo para investigar melhor a situação.

Ontem (3) , sob o comando do seu diretor, Daniel Coimbra, fiscais do Procon notificaram e visitaram alguns dos postos de combustíveis de Timon. O órgão solicitou a planilha de custo do combustível para aferir se o preço repassado ao consumidor é justo e está dentro da margem de lucro permitida ou se está sendo praticado abusos na alta do valor do produto.

Vale lembrar que num passado recente o Ministério Público, através da falecida promotora Elda Maria e a própria  Câmara Municipal já entrou na investigação deste alto valor do combustível vendido em Timon.

Presidente da Comissão dos Direitos do Consumidor e considerado um dos melhores quadros do legislativo municipal na época, o ex-vereador Jaconias Morais se debruçou sobre o problema, mas o seu trabalho não alterou em nada o valor praticado na venda do combustível nos postos da cidade.

O diretor do Procon, Daniel Coimbra disse ao eliaslacerda.com que o seu “objetivo é  garantir que o consumidor timonense seja respeitado e que o preço fornecido seja justo”.

Agora é esperar pra ver no que vai dar…

Elias Lacerda

Jornalista apaixonado pela notícia e a verdade

2 comentários sobre “Procon quer saber porque a gasolina vendida em Timon é das mais caras da região

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *