Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Análise sem paixão! Como ficam as forças políticas em Timon na disputa Weverton contra Brandão

Ainda nem é certeza de que haverá mesmo um racha entre o vice-governador Carlos Brandão e o senador Weverton Rocha nas eleições do próximo ano, mas o que muitos colegas da imprensa não param é de exaltar qualidades de um lado e do outro, sempre puxando lado para o de sua preferência.

Em Timon o atual cenário já nos permite especular com quem deverão ficar as principais lideranças políticas da cidade numa eventual disputar entre os dois principais nomes protagonistas desta pré-campanha rumo a sucessão de Flávio Dino.

Weverton Rocha tem o apoio mais previsível de um grupo político da cidade: O grupo Leitoa. Aliado de longas datas do senador, desde quando o mesmo ainda era apenas um jovem militante desconhecido e sonhador, Weverton já andava por estas bandas de Timon e se hospedava na casa do ex-prefeito Chico Leitoa. Amigo pessoal de Luciano Leitoa, daqueles de se hospedar na casa do ex-gestor (inclusive Weverton chegou a convidá-lo para ser seu vice em 2022, reveja clicando aqui), Weverton Rocha deverá ter o apoio integral do grupo que tem como maiores expoentes Chico Leitoa, Luciana Leitoa e a atual prefeita Dinair Veloso.

Até que alguma das próximas eleições provem o contrário, o Leitoa ainda é o maior e mais organizado grupo político da cidade, um fator importante para Weverton Rocha nesta disputa.

A força de Brandão com grande leque de apoios

Mas se o senador tem os Leitoas ao seu lado, o vice-governador Carlos Brandão deverá possuir o maior número de lideranças políticas ligadas a oposição somando força com ele, o que pode equilibrar a disputa.

O deputado estadual e atual líder do governo na Assembleia, Rafael Leitoa não esconde que ele e seu grupo em formação deverão marchar com Brandão. Ex-candidato a prefeito de Timon nas últimas eleições com votação expressiva, coronel Schinneyder é outro nome de primeira hora para entrar na briga pelo apoio ao vice-governador.

Ainda sem manifestar definição, Socorro Waquim nos bastidores sem fazer declarações públicas, também tem revelado simpatia pelo vice-governador, o que para muitos não será difícil incorporá-la ao projeto de Brandão na busca da reeleição. A consumação desse apoio poderá ser concretizado após o vice-governador tomar posse em abril e abrir portas para o diálogo com a deputada, o que inevitavelmente deve acontecer.

Só nessa pequena amostra dar para perceber o quanto a eleição estadual em Timon promete ser das mais disputadas caso se concretize um cenário com as candidaturas de Weverton Rocha e Carlos Brandão. Difícil prevê vencedor, pois de um lado deverá ficar o organizado e forte grupo Leitoa trabalhando para Weverton Rocha e do outro forças políticas como Rafael Leitoa, Schinneyder e provavelmente Socorro Waquim trabalhando e apostando na eleição de Carlos Brandão.

O pleito ainda está longe e até lá muitos fatos ainda vão acontecer nesta caminhada que podem alterar nossas previsões, mas o que é certo mesmo é de que este é o atual e real cenário político que se desenha em Timon para 2022…

 

5 cometários

Rômulo Rocha
Comentou em 25/05/21

O grupo que ganhar poderar ter uma luz certa para o executivo em Timon 2024.

Carlos Augusto
Comentou em 25/05/21

Só não esqueçamos de combinar com o povo.

Rogério Cardoso
Comentou em 26/05/21

Fico no aguardo,o povo é quem decide

LUDUGERO PEREIRA DE SÁ NETO
Comentou em 13/06/21

O povo é soberano

Raimundo Gomes
Comentou em 26/05/21

Socorro Waquim apoiando Carlos Brandão. Socorro Waquim desde criancinha com seu grupinho político é MDB,e apoia o grupo Roseana Sarney. Mas político é que nem camaleão.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael