Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Secretário Simplício Araújo acha absurdo fundos do nordeste financiarem o Sul

O secretário de Estado de Indústria, Comércio e Energia do Maranhão (Seinc) e presidente do Solidariedade, Simplício Araújo (foto acima), se pronunciou sobre a mais recente Medida Provisória viabilizada pelo Governo Federal.

A MP, assinada pelo presidente Jair Bolsonaro, visa a criação de um novo fundo para a estruturação e o desenvolvimento de projetos de concessão e de parcerias público-privadas da União, Estados e municípios.

Com a medida, são previstos R$ 11 Bilhões dos atuais orçamentos dos fundos constitucionais do Nordeste – e, também, do Norte e do Centro Oeste, para serem disputados com o Sul e o Sudeste. Só no Nordeste, por exemplo, serão R$ 6 Bilhões do total.

Para Simplício Araújo, a decisão tomada pelo presidente é indevida, incabível e totalmente incoerente com o desenvolvimento econômico das cinco regiões do país, atinge todo o setor produtivo do Nordeste dos pequenos aos grandes empreendimentos.

“Novamente temos um presidente lutando contra o próprio país. Não existe sentido em tirar fundos de três das regiões mais pobres do país e eles serem disputados para financiar as regiões mais ricas. É um descaso com a economia, é um descaso com o Nordeste! Lutarei e me manifestarei, diariamente, para que os direitos do povo nordestino sejam garantidos e não arrancados”, afirmou Simplício Araújo.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael