Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Assim funciona o Brasil ! desembargador autoriza abrir Mateus de Timon em pleno lockdown

O que pouco imaginariam que poderia acontecer, aconteceu. O supermercado Mateus, usando todo o seu poderio econômico, político e jurídico, conseguiu no Tribunal de Justiça do Maranhão uma liminar que o permitirá abrir amanhã, sábado, dia 4, e domingo, dia 5, em Timon, em pleno lockdown decretado pela prefeitura local.

A decisão autorizando o absurdo e desrespeitando o executivo municipal e os demais estabelecimentos comerciais de Timon,  foi do desembargador João Santana Sousa num processo que teve incomum celeridade desde que o grupo empresarial perdeu em Timon na justiça local até a decisão no TJ. Sem sucesso na ação perdendo a causa ontem, quinta-feira (2) , na justiça local timonense, o  Mateus protocolou nesta sexta-feira o recurso às 18 horas e 40 minutos e teve proferido despacho que autorizou o funcionamento da loja de Timon às 22 horas e 38 minutos , portanto , menos de 4 horas depois.

O desembargador criou um problema enorme na autonomia do município, pois como explicar ao restante de comerciantes da cidade que só o Mateus terá o privilégio de abrir durante o lockdown ? Essa explicação deveria ser dada pelo próprio desembargador.

Vale lembrar que a ambição financeira do supermercado Mateus mira os milhões de reais que poderá faturar com o fechamento do comércio timonense no sábado e domingo e o de Teresina, no domingo. O que menos importa ao supermercado é o avanço do novo coronavírus que até o fechamento desta matéria já tinha registrado  2319 casos confirmados da doença e 70 óbitos. Não é preciso ser infectologista para concluir que a decisão do desembargador e a ambição do Mateus, com certeza, devem ajudar e muito a elevar esses números.

Coisas do Brasil…

34 cometários

Giamara Poliana
Comentou em 03/07/20

Não é pq vai abrir que é obrigado a irem fazer compras, cada um faz sua parte ficando em casa. A reabertura do comércio em geral depende tb do reflexo do isolamento desse final de semana. Fiquem bem!

DOGIVAL BARBOSA TAVARES
Comentou em 04/07/20

CORRETÍSSIMA.

CESAR BONAVENTURA CESAR
Comentou em 04/07/20

Cabe Aos moradores de TIMON ,, BOICOTAR AO MATEUS

DENIS SERVIO
Comentou em 04/07/20

Inconsequentes o Grupo e o Juiz!

José Wilson
Comentou em 04/07/20

Vergonhosa essa atitude do supermercado e do juiz que concedeu a liminar! Bom seria colocar a vigilância sanitária para marcar colado em cima e qualquer coisa errada lacra e multar o supermercado por descompri alguma irregularidade que venha ferir o protocolo da pandemia em relação a abertura de comércio de gênero alimentício!

DENIS SERVIO
Comentou em 04/07/20

Nem um pingo de responsabilidade social.

Sergio
Comentou em 04/07/20

Esses cara só pensa no dinheiro
Eas vidas das pessoas ,como fica?

DENIS SERVIO
Comentou em 04/07/20

Só pensam no lucro os dois”

Ulysses Halley
Comentou em 04/07/20

Uma verdadeira falta de respeito,de civilidade,de cuidado com o povo da nossa cidade. Não adianta o poder público fazer sua parte se por trás vem essas decisões judiciais absurdas que atentam diretamente contra o nosso maior patrimônio que é a vida. Infelizmente uma parcela da população não ver as coisas dessa forma e amanhã estarão dando a razão a decisão judicial absurda e a irresponsabilidade do Mateus quando forem lotar seus caixas e corredores.

Matheus
Comentou em 04/07/20

Tem é que abri mesmo

Josilene Borges
Comentou em 04/07/20

Que absurdo!!! Essa é a justiça que temos!!

Francisco Emanoel
Comentou em 04/07/20

Não ha duvidas de que realmente é uma decisão no minimo irresponsavel, desrespeitosa e gananciosa, mas que servirá para medir o nivel de consciência dos habitantes de Timon. Não é porque o supermercado vai abrir que necessariamente a população tenha que ir as compras mas com certeza muitos irão e as consequências. podem ser aumento dos números de casos e de óbito. E ai quem será o culpado? O supermercado que vai abrir, alguns inconsequentes que irão as compras. Na verdade todos com um peso maior no meu entendimento para o senhor desembargador, que colocando a democracia no bolso, fez da sua caneta uma arma contra os pequenos comerciantes e a favor do grande empresário, deixando com sua atitude as autoridades locais em situação complicada e uma população de mais de 170 mil habitantes em risco.

Paulo Roberto de Andrade
Comentou em 04/07/20

Fechado ou não, esse virus não vai parar de se espalhar, nào adianta ir contra os propósitos de DEUS, isso é somente o inicio do fim do mundo, mais pragas ainda virão.

Luzia Silva
Comentou em 04/07/20

Absurdo, espero que o povo se sensibilizar e respeitem a vida, já que para o empresário dono do Mateus a vida não tem valor; com certeza ele está em isolamento social, cuidando somente da vida dele é família, egoísta, não tem o mínimo respeito nem com seus funcionários e muito menos com os clientes. Meu povo não satisfação o egoísmo deste empresário. FIQUEM EM CASA.

Paulo Roberto de andrade
Comentou em 04/07/20

Fechado ou aberto, não vai impedir que esse virus se propague, se espalhe, ninguem impedirá isso, a não ser DEUS, isso é somente o inicio do fim do mundo, anais pragas estão por ví, gafanhotos, vêspas gigantes, cobras voadoras, abelhas assassinas e por aî vai, é o final de tudo.

Marcelo
Comentou em 04/07/20

Tem que abrir mesmo ja basta o comércio fechado

Adauto Santos
Comentou em 04/07/20

Bom dia, só penso que esse mesmo povo que vcs estão brigando pela saúde são os mesmos que vão às compras só acho injusto pelo lado dos comerciantes, porque com esse lockdown declarado o que houve de aglomeração em todo local em cada bairro, até parece que se hoje é amanhã o pessoal não sair quem se contaminou nas aglomerações causadas serão curadas. O movimento depende da responsabilidade de cada um e não é um decreto que vai mudar a educação das pessoas em geral.

Carone
Comentou em 04/07/20

Desonestidade por parte dos dois empresa e juiz. Vamos ter mais respeito pela vida, e pelo bem comum.

Shirdeane de Sousa Silva Silva
Comentou em 04/07/20

Isso é um absurdo. Sem falar que no Supermercado Mateus é um estabelecimento que mais se tem aglomeração de pessoas aqui em Timon. Muita falta de responsabilidade, pois assim vemos o tamanho da preocupação desses pessoal com a propagação do vírus, nenhuma. lamentável

Carlinhos Maranhão
Comentou em 04/07/20

O governo municipal ra fazendo sua parte, mas infelizmente existe brechas na justiça pra ajudar os ricos que só pensa em dinheiro, quando morre não leva nada…..

Kleber
Comentou em 04/07/20

Cadê o prefeito? Manda fechar a avenida Piaui e as ruas adjacentes e libera só pra pedestres! Mostra tua cara prefeito e bota ordem nessa bagaça

Osmarina
Comentou em 04/07/20

Bom dia. É um absurdo. Mas, a solução está nas mãos da população. Se os clientes de Teresina, não atravessarem pra Timon, e os timonense não forem comprar, não haverá melhor decisão.
Já que a justiça não se preocupa com a população. A própria população que deve amor próprio.

Josiel
Comentou em 04/07/20

Esse eu Brasil onde quem manda é quem tem malote duvido que os pequenos comércio tão aberto pobres ganham mau pra se mantê já como aí é uma empresa grande tem grande pode de faze i compra qualque autoridade porque aí é muito dinheiro pra só essa empresa abria na cidade

FERNANDO DIAS DA SILVA FILHO
Comentou em 04/07/20

Só mesmo uma revolução para por ordem nessa desgraceira toda pq na boa não vamos fazer essa gente respeitar os cidadãos.

Bom…o povo também gosta de ser escorchado…basta ver que eles lotarão o supermercado assim que abrir, em vez de boicotá-lo.

Enquanto o povo brasileiro for assim desunido e individualista, os poderosos continuarão nadando de braçada.

Marcos
Comentou em 04/07/20

Eu afrontaria e fechava a avenida Piauí! Parece um absurdo, mas é um absurdo necessário em cima do abuso do judiciário!

Marcos
Comentou em 04/07/20

Por favor não deixem esse abuso acontecer! E o pequenos comércios se seguirem a mesma recomendação do judiciário?

Marcos
Comentou em 04/07/20

Qual o posicionamento do executivo em relação a isso? Quais atitudes pra hoje?

Marcilio
Comentou em 04/07/20

Vamos promover os braços funcionários para X-MEN os VINGADORES…E os clientes de THANOS!!!
É SÓ NÃO IR À LOJA COMPAR !!! JUMENTOS!!!

Maria Vera
Comentou em 04/07/20

Boa tarde, mas a população também deveria fazer a sua parte e não ir fazer compras nesse 2 dias,ficaria aberto mas não vendia, mas vão fazer longas fila, pois não estão valorizando as suas próprias vidas e de seus familiares.

RONALDO COSTA
Comentou em 04/07/20

Que bom, vamos acabar com essa farsa chinesa que vida destruir a economia mundial.

Joserisvaldo
Comentou em 04/07/20

Faco observações nessa materia.

Lembram do prwsid. Jair Bolssonaro induzindo ao povo não sair de casa?
Ganhou força o FIQUEM EM CASA. pela nação e ele se desmoralizou com suas precoces afirmações.

Vamos desconfiar dessa absurda decisao em favor empresario Mateus.

Agora, o kacete que quebra nas costas do chiking, tem de se espatifar no mucumbú do francisking também.
Vende mais de 35 milhões por mês passando de sua meta de 25 Mi e ,ainda não quer contribuir com as autoridades locais e, a sociedade. Fossse eu, um comerciante iam saber o que ia fazer. Ai eu queria ver se esse desembargador ia tambem ser agil em deferir essa liminar em poucas horas!
Colocou o decteto do execitivo em fase de promover a politicagem de alguns que querem o mau pra cidade.
Lei vale pra todos.

CHICO
Comentou em 04/07/20

muito bonito, O MATEUS nao pode fechar um dia, e os pequenos comercios alguns ja com 90 dias fechado.

Ciro
Comentou em 04/07/20

Vai quem quer

Bruno
Comentou em 05/07/20

Primeiro que a idéia de Lockdown deveria ter sido utilizada antes do enorme número de contaminações, há sim como foi em outros locais .Timon passou quase 1 mês sem ter resposta alguma da prefeitura sobre o posicionamento contra o Covid-19 , ae por que um supermercado que ninguém é Obrigado a ir lá ficam fazendo um grande alvoroço.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael