Logo Elias Lacerda
Clínica São Rafael

Bolsonaristas cancelam protesto em Teresina pela abertura do comércio que aconteceria neste sábado (28)

Foi cancelada uma manifestação que estava programada para o final da tarde deste sábado (28/03) em Teresina pela retomada de alguns setores do comércio, que estão sem funcionar desde o dia 16 de março com a emissão de decretos pelo poder público para evitar a aglomeração de pessoas durante a epidemia de Covid-19. O movimento organizado pelo Movimento Direita Piauí, Movimento Brasil Melhor e Movimento Direita Piauiense foi convocado pelas redes sociais e ocorreu em capitais brasileiras.

Em nota, o grupo disse que a orientação de permanecer nos carros evitaria a aglomeração e manteria o caráter legal do protesto, não contrariando a medida do governo e da prefeitura.

“Considerando que existem rumores de movimentações no sentido de cancelarem por via judicial, a livre manifestação democrática, garantida pela Constituição Federal, nos tempos de paz, e embora tais atos decisórios sejam questionáveis, para resguardar os organizadores e envolvidos no ato, e convictos dos princípios que defendemos, e no sentido de não disseminar ainda mais o pânico na sociedade, estratégia muitas vezes utilizadas por pessoas descompromissadas com nosso país e Estado, e depois de conversarmos com os demais interessados da manifestação, que estão diretamente afetados pela determinação da paralisação das atividades, DECIDIMOS CANCELAR o ato”, diz um trecho da nota.

A organização ainda explica que não se trata de expor a população ao coronavírus mas de um movimento em defesa da economia, defendendo medidas mais brandas que não impossibilitem o funcionamento de setores do comércio.

“Nossa decisão, no momento, é de aguardar a reunião do Comitê Gestor de Crise Covid-19, agendada para dia 31/03, aliado à informação de que o governador Wellington Dias irá receber na segunda-feira, dia 30/03, representantes das categorias profissionais”, fala outro ponto da nota.

NOTA DE CANCELAMENTO e ESCLARECIMENTO

Considerando que existem rumores de movimentações no sentido de cancelarem por via judicial, a livre manifestação democrática, garantida pela Constituição Federal, nos tempos de paz, e embora tais atos decisórios sejam questionáveis, para resguardar os organizadores e envolvidos no ato, e convictos dos princípios que defendemos, e no sentido de não disseminar ainda mais o pânico na sociedade, estratégia muitas vezes utilizadas por pessoas descompromissadas com nosso país e Estado, e depois de conversarmos com os demais interessados da manifestação, que estão diretamente afetados pela determinação da paralisação das atividades, DECIDIMOS CANCELAR o ato outrora designado, até porque somos partidários do bem-estar social e não vira de nós, qualquer ato que fomente a narrativa de insegurança e constrangimento dos participantes.

Nossa decisão, no momento, é de aguardar a reunião do Comitê Gestor de Crise Covid-19, agendada para dia 31/03, aliado à informação de que o governador Wellington Dias irá receber na segunda-feira, dia 30/03, representantes das categorias profissionais.

 

Do site oitomeia.com

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael