Veja com vídeo: preso homem acusado de atear fogo em porteiro no Rio de Janeiro

Marcelo Cavalcanti Gomes, suspeito de atacar e atear fogo no porteiro Jefferson Quintanilha, de 23 anos, se entregou à polícia no fim da noite de ontem, quinta-feira (21). Ele está preso na 110ª DP, em Teresópolis, na Região Serrana do Rio. Segundo informações da Polícia Civil, ele confessou o crime. O delegado responsável pelo caso, Leandro Aquino, ainda não deu detalhes sobre a motivação.

O suspeito estava foragido e teve a prisão preventiva decretada pela Justiça também na quinta.

O crime aconteceu na última terça (19), no conjunto habitacional Fazenda Hermitage. O caso foi registrado pelas câmeras de segurança do condomínio e o vídeo, cedido pela PM, mostra o suspeito parado por alguns segundos enquanto abre o galão de gasolina. Em seguida, ele entra na cabine e joga o combustível no rosto do porteiro, ateando fogo com um isqueiro.

Jefferson foi pego de surpresa

As imagens da câmera de segurança mostram a vítima trabalhando enquanto outro homem conversa pelo interfone, do lado de fora da cabine. O agressor entra na cabine, joga gasolina no rosto da vítima e usa um isqueiro para iniciar o fogo.

Os bombeiros foram acionados às 16h09 e quando chegaram ao local encontraram a vítima em pé e lúcida na rua. Jefferson entrou sozinho na ambulância e foi levado para o Hospital das Clínicas de Teresópolis (HCT). Ele foi transferido de helicóptero para o Hospital Estadual Vereador Melchiades Calazans, em Nilópolis, no Rio de Janeiro, na tarde de quarta-feira (20).

Do G1

1 comentário

Tiuba
Comentou em 23/06/18

é um safado. Merecia morrer, mas estamos no Brasil… Que m…

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
TekyNik