Logo Elias Lacerda
                           Clínica São Rafael

Prefeitura de Timon recupera homem que morava abandonado na rua e o reinsere na família

3 ok

Com muita superação e fortalecimento da reinserção familiar, José Pedro dos Santos Neto, que vivia em situação de rua, despediu-se da Casa Cidadão e Centro Pop, onde desde 2015 estava referenciado. Ele deixou o local com um belo sorriso no rosto e uma emocionante despedida.

 

Ao chegar às unidades, o usuário relatou que seus pais faleceram ainda na sua infância; depois, morou por alguns anos com a avó em Matões (MA), mas a mesma também faleceu. Em seguida, veio para Timon e residiu alguns anos com sua irmã, mas devido apresentar problemas com o álcool, teve conflitos familiares, que o levaram a residir nas ruas de Timon.

 

As unidades contribuíram para emissão de seus documentos, agendamento de consultas, realizaram seu encaminhamento para o CAPS-AD, local em que iniciou seu tratamento de combate ao álcool, e acompanhamento com oftalmologista, pois se queixava de muitas dores no olho. Foi encaminhado para Associação Dos Cegos por ter perdido a visão de um dos olhos e, logo depois, foi dada entrada na solicitação da sua aposentadoria junto ao INSS.

Pedro com a família ok

A psicóloga do Centro Pop, Marivete Ribeiro, explica que realizou uma visita domiciliar na casa da irmã do usuário que reside em Timon com a finalidade de resgatar os vínculos familiares e de informar que ele estava realizado seu tratamento de combate ao alcoolismo. Após o INSS aprovar concessão do benefício ao usuário, a equipe contatou a família, que decidiu receber o Sr. José Pedro no seu contexto familiar.

 

Com a vinda da família para buscar o Sr. José Pedro na unidade, a coordenadora da Casa Cidadão, Francelina Machado, promoveu uma reflexão com todos os usuários, enfatizando que eles podem ser protagonistas de sua história, retomar seus sonhos e retornar aos seus contextos familiares; ela também enfatizou que acredita no potencial de cada um. A reflexão promoveu comoção e despertou nos usuários maior interesse pela reinserção familiar, e desejaram boa sorte para o José Pedro, que estava indo embora.

2 ok

Da assessoria

1 comentário

César William
Comentou em 29/05/19

Em meio “à força da grana (que muitas vezes) ergue e destrói coisas belas”, uma ação assim é o mover de montanhas. Parabéns aos que constituem o Centro Pop e também à Casa Cidadão. Fico feliz, sempre que (como agulha em um palheiro) colho uma informação em que nem destroços nem vilipendiamentos da alma humana são o foco da mensagem. Que bom! Às vezes julgamos, fuzilamos e pensamos ser inútil estender a mão a quem agoniza no pântano. Isso ocorre ou pelo nosso egoísmo ou por pouca fé, temendo que ao estender a mão terminemos também atolados e contaminadas pela mesma lama.
Mas, como disse Drummond, o homem precisa “pôr o pé no chão/ do seu coração”.

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

*
*

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
Clínica São Rafael