Prefeitura de Timon discute o retorno da volta as aulas; o mês já foi definido

A equipe da Secretaria Municipal de Educação de Timon (Semed) esteve reunida nesta quarta-feira (22) com o Comitê Gestor de Medidas de Enfrentamento à Pandemia da Covid-19 no município, para discutir e traçar as estratégias necessárias para o retorno das aulas presenciais na rede Pública Municipal de Educação de Timon.

Na reunião foram abordadas diversas questões com o objetivo de estabelecer um protocolo de segurança para a retomada das atividades presenciais, como readequação dos espaços físicos nas salas de aula, para manter o distanciamento social, disponibilização de álcool em gel nas dependências da escola para alunos, funcionários e professores, cancelamento de atividades em grupo (jogos recreativos, esportivos e outros eventos); limpeza e desinfecção constante das salas de aula e das escolas, readequação do transporte escolar, dentre outros.

  “A Semed irá distribuir máscaras para todos os estudantes, professores e funcionários. Já que a utilização da máscara será obrigatória, tanto no transporte escolar quanto dentro da dependência da escola. Também estamos analisando como será feito no horário de entrada e saída, para que não haja aglomeração. Assim como estamos estudando como será feito no intervalo da merenda escolar”, explica o secretário municipal de Educação, Samuel de Sousa Silva.

A previsão de retorno das aulas presenciais é para setembro, em dia ainda a ser definido. A retomada das atividades começaria pelos alunos do 9º ano do ensino Fundamental e a cada 15 dias, os dados epidemiológicos serão analisados para programar a possível volta dos demais estudantes de forma gradativa. Até lá os demais alunos permanecem realizando suas atividades de forma on-line.

  “Nossa proposta é começar pelos alunos do 9º ano do ensino fundamental porque no próximo ano, eles irão para o ensino Médio, que é de responsabilidade da rede estadual de Educação. Por isso, é importante tentar minimizar os efeitos que a pandemia causou no ensino/aprendizado desses estudantes. Quanto aos alunos, professores e funcionários que se enquadram no grupo de risco deverão permanecer em casa, sem prejuízo de remuneração e de acompanhamento das aulas, continuando na modalidade on-line”, destaca Samuel de Sousa Silva.

Para o secretário municipal de Governo e presidente do Comitê, João Batista Pontes, esse planejamento é estratégico para manter a segurança de todos.

“Estamos pensando em um protocolo rígido para que os riscos possam ser minimizados e as aulas presenciais possam retornar com segurança”, afirma, João Batista.

As aulas da rede municipal de Educação de Timon estão suspensas desde março, como uma das medidas de combate à proliferação do novo Coronavírus, no entanto, a Semed disponibilizou ferramentas para que os alunos pudessem revisar os conteúdos e realizarem outras atividades pedagógicas. Em Junho, todas as escolas do município começaram a ministrar aulas e fornecer material de forma on-line dentro da carga horária do ano letivo.

Para os estudantes da rede que não têm acesso à internet, as escolas fornecem atividades impressas que os pais recebem na escola nas zonas Urbana e Rural, em dias e horários pré – estabelecidos, e depois devolvem para que a haja a correção.

 

Da assessoria

5 cometários

Francineide de Melo Oliveira Nascimento
Comentou em 23/07/20

Só Jesus Cristo na causa

Ivone
Comentou em 23/07/20

O problema ñ é a prefeitura definir o retorno das aulas presenciais e sim se ela tá preparada para o aumento de casos de COVID entre os alunos.

Patrícia Clímaco
Comentou em 23/07/20

Tenho uma filha que está no 7° ano do ensino fundamental que faz parte da rede municipal de ensino de Timon, tomamos todas as precauções sobre a prevenção do covid em casa, 80% de isolamento, quando precisa sai somente uma pessoa de casa pra comprar mantimentos,o nosso bairro é um dos mais afetados ( São Benedito) , aí eu me pergunto: Será que realmente estão preparados para para retorno dessas atividades? Acredito que metade não está. Há pessoas em que são ignorantes e que não respeitam nem mesmo a si próprio. Colocam em risco a sua saúde e de outras que estão ao seu redor…. Isso é revoltante! Essa pandemia já levou muitas vidas!!! I destruiu muitas famílias! Sinceramente não quero e nem vou arriscar !!! Fica aqui o meu desabafo.

Jaiza
Comentou em 23/07/20

As salas de aulas não têm janelas suficientes pra arejar o espaço e não há recomendação de uso de ar condicionados. Como vão ocorrer essas aulas, no pátio?

Regina Andrade
Comentou em 23/07/20

Eu acho um despreparo dos governantes. Eles deviam se preocupar mais com a proliferação desse vírus, pois o retorno das aulas é um serio risco a vida de todos. Tenho um filho de 16 anos e com certeza esse ano está perdido pra ele, pois não vou de jeito nenhum colocar a vida dele em risco. E os meus netos tambem não.

Deixe um comentário

Você pode ler também!

Não desperdice seu tempo e garanta sua hospedagem Dgi Cloud hoje!
TekyNik